FMI preocupado com ritmos diferentes de recuperação das maiores economias mundiais

Fonte Agência Brasil* 18/04/2013 às 22h

Brasília – A diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, manifestou hoje (18), no começo da Reunião de Primavera da entidade, em Washington, preocupação com a recuperação em velocidades distintas das maiores economias mundiais.

Para Christine, o atual "momento crítico" da economia mundial exige uma resposta "personalizada" para cada país. Contudo, a diretora-geral do FMI alertou para a necessidade de "sincronizar" as necessidades das diferentes economias, dando como exemplo a estagnação na Europa e no Japão, o crescimento lento dos Estados Unidos e a realidade das economias emergentes.

O crescimento a "diferentes velocidades", diz Christine, "não é a recuperação mais saudável" que o fundo pudesse imaginar. "O que precisamos é uma economia em recuperação de uma forma global", acrescentou a diretora-geral da entidade.

O FMI estima que a economia na zona do euro se contraia 0,3% este ano, previsão menor que a expansão de 0,2% esperada em janeiro. Nas projeções incluídas no World Economic Outlook, documento publicado na terça-feira pela instituição baseada em Washington, as revisões apontam para uma deterioração em relação ao relatório anterior, divulgado em outubro. As previsões de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) mundial foram reduzidas de 3,5% para 3,3%. No entanto, a estimativa para 2014 foi mantida em 4%.

* Com informações da Agência Lusa

Agência Brasil*
Fonte Agência Brasil* 18/04/2013 ás 22h

Compartilhe

FMI preocupado com ritmos diferentes de recuperação das maiores economias mundiais