Fiscalização coíbe garimpo ilegal na Flona Tapirape-Aquiri

Fonte Comunicação ICMBio 07/04/2013 às 10h

garimpo ilegalBrasília  – Foi realizada entre os dias 21 e 23 de março, operação de fiscalização na Floresta Nacional (Flona) Tapirape-Aquiri, unidade de conservação (UC) federal localizada no estado do Pará e sob gestão do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). A operação “Mangolão” teve como objetivo coibir a instalação de garimpos clandestinos.

A equipe formada por servidores do ICMBio e guardas florestais conseguiu localizar um garimpo ilegal no interior da unidade de conservação. Na ocasião, uma pessoa estava no local e foi conduzida à delegacia da Polícia Federal, no município de Marabá. Com esta pessoa foi apreendido 3,45 g de ouro, além de ferramentas e uma pequena quantidade de mercúrio, utilizados durante as atividades de garimpagem. O acampamento dos garimpeiros e algumas ferramentas foram destruídos.

Floresta Nacional Tapirape-Aquiri

Localizada no bioma da Amazônia, a unidade de conservação federal foi criada no dia 5 de maio de 1989. Com área de 196.503,94 hectares, a floresta é uma das cinco unidades que integram o Mosaico de Unidades de Conservação de Carajás.

 

Comunicação ICMBio
Fonte Comunicação ICMBio 07/04/2013 ás 10h

Compartilhe

Fiscalização coíbe garimpo ilegal na Flona Tapirape-Aquiri