Ferroviários encerram greve em São Paulo

Fonte Agência Brasil 23/05/2012 às 21h
Os ferroviários das linhas que ligam a capital paulista à parte leste da região metropolitana encerraram agora a pouco a greve que afetou cerca de 850 mil pessoas. O fim da paralisação ocorreu após uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), onde a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) fez uma proposta de reajuste de 6,63% e vale-refeição de R$ 20.

O Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias da Zona Central do Brasil, que representa os trabalhadores das linhas 11 Coral e 12 Safira aceitou retomar as atividades. A proposta da empresa ainda será, entretanto votada em assembleia.

Também vai colocar a proposta em apreciação da base o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias de São Paulo, que representa os ferroviários das linhas Rubi e Turquesa. Esses ferroviários, que operam as linhas Rubi e Turquesa, faziam assembleia e ameaçavam aderir à greve quando foram convocados para a audiência do TRT.

No início da noite de hoje (23) os trabalhadores do metrô da capital paulista voltaram ao trabalho após um dia de paralisação que provocou congestionamento recorde na cidade e até enfrentamento entre policiais e passageiros. O fim da greve ocorreu depois de uma audiência de conciliação entre o sindicato e a estatal responsável por gerir a maior parte das linhas da cidade.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 23/05/2012 ás 21h

Compartilhe

Ferroviários encerram greve em São Paulo