Faperj destina recursos para a produção acadêmica e à prática esportiva

Fonte Faperj 14/04/2013 às 18h

 

A Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) destinará cerca de R$ 5 milhões para financiar propostas que apoiem o desenvolvimento de inovações no esporte e programas de pós-graduação de universidades fluminenses. As temáticas serão contempladas por meio de dois editais que distribuirão R$ 2,5 milhões cada.

Edital Faperj Nº20/2013

A chamada Apoio a Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Universidades Estaduais pretende fomentar a produção acadêmica por meio da aquisição de materiais de consumo, equipamentos, serviços diversos e a execução de obras de infraestrutura. Interessados têm até 16 de maio para enviar propostas.

Entre as condições de elegibilidade estão a necessidade do proponente da proposta ser coordenador ou coordenador-adjunto de programas de pós-graduação credenciados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), com sede nas universidades estaduais do Rio de Janeiro. Será aceito apenas um projeto por programa de pós-graduação.

Os custeios foram divididos em duas faixas. O modo A compreende projetos com valores de até R$ 80 mil. A categoria B contempla propostas de até R$ 40 mil.

Para mais informações acesse a íntegra do edital neste link.

Edital Faperj N° 21/2013

O edital Apoio ao Desenvolvimento de Inovações no Esporte no Estado do Rio de Janeiro – 2013 financiará projetos inovadores voltados à preparação de atletas, formação de treinadores e no desenvolvimento de equipamentos relevantes para o esporte no estado. Os candidatos deverão apresentar propostas até 28 de maio.

Os projetos podem ser apresentados por empresas brasileiras com receita bruta anual de até R$ 90 milhões. Os empresários devem ainda exercer alguma atividade no Rio de Janeiro.

O edital separa o auxílio ao projeto em duas categorias.

A chamada completa pode ser acessada neste link.

Faperj
Fonte Faperj 14/04/2013 ás 18h

Compartilhe

Faperj destina recursos para a produção acadêmica e à prática esportiva