Exposição resgata obra de importante fotógrafo carioca dos anos 1970

Fonte Agência Brasil 01/06/2012 às 19h

 

Rio de Janeiro - Um dos expoentes da fotografia brasileira na década de 70 tem uma parte expressiva de sua obra resgatada em uma exposição no Espaço Cultural Eletrobras Furnas, no Rio de Janeiro. A mostra Outros Carnavais, aberta ao público hoje apresenta 50 fotos ampliadas do acervo do fotógrafo carioca Bina Fonyat (1945-1985). Elas retratam o carnaval de rua do Rio de Janeiro durante um período de seis anos, de 1972 a 1978. Na época, as imagens foram reunidas no livro Carnaval, lançado em 1978 pela editora Nova Fronteira, e atualmente esgotado.

Detentora do acervo do artista, Helena Uchôa Cavalcanti assina a curadoria da mostra. “A intenção foi reproduzir na exposição o conteúdo do livro, na mesma sequencia em que as fotos foram publicadas”, disse. Ela fez questão de manter inclusive o prefácio, de autoria do antropólogo Gilberto Velho, que morreu este ano.

No texto, Gilberto Velho ressalta a visão complexa e heterogênea de um dos momentos mais significativos da sociedade, revelada no trabalho de Fonyat. “Nele aparece com muita dramaticidade anonimato relativo, típico da grande metrópole, com maior intensidade devido ao jogo de máscaras e fantasias”.

Formado em arquitetura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), em 1967 , foi na fotografia que José Bina Fonyat Neto encontrou sua realização profissional. Viveu pouco, mas produziu muito. Teve uma carreira eclética, muito comum na década de 70, quando era usual o fato de nossos fotógrafos se dedicarem simultaneamente a diferentes campos de atividade.

Fonyat foi fotógrafo de imprensa, teatro, artes plásticas e publicidade. Fez desde fotos da corrida automobilística 24 horas de Le Mans, para a revista O Cruzeiro, até capas de discos de Elis Regina e Edu Lobo. Antes de morrer, aos 40 anos de idade, publicou dois livros, o já citado Carnaval, e Fotografias, edição dele próprio em 1979. E deixou pronto para ser impresso o seu terceiro livro intitulado Copacabana, lançado postumamente em 2002.

A exposição, com entrada franca, fica em cartaz até 8 de julho e pode ser vista de terça a sexta-feira, das 14h às 18h, e sábados, domingos e feriados, das 14h às 19h. O Espaço Cultural Eletrobras Furnas fica na Rua Real Grandeza, 219, em Botafogo, zona sul do Rio.

 

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 01/06/2012 ás 19h

Compartilhe

Exposição resgata obra de importante fotógrafo carioca dos anos 1970