Evento proibirá comércio ambulante no entorno do Maracanã

Fonte Agência Brasil 27/04/2013 às 15h

Rio de Janeiro - A Secretaria Especial de Ordem Pública (Seop) da prefeitura do Rio fará na noite deste sábado (27) uma operação de ordenamento no entorno do Estádio do Maracanã. O objetivo da operação é coibir o comércio ambulante irregular e o estacionamento em local proibido, além de inibir o consumo de bebidas alcoólicas nas imediações do estádio. De acordo com decreto municipal em vigor desde 2009, o consumo e a comercialização de bebidas alcoólicas no entorno do Maracanã é proibido duas horas antes e duas horas depois de cada partida.

De acordo com a Seop, a ação de hoje será o primeiro teste do esquema operacional a ser adotado, em junho, durante a Copa das Confederações. conforme determina decreto municipal. A 36 dias da reinauguração oficial, que ocorrerá em 2 de junho, com um jogo amistoso entre Brasil e Inglaterra, o evento teste terá início às 18h30, com a presença dos 8 mil operários que trabalharam nas obras de reforma do estádio, seus parentes, e autoridades, entre eles a presidenta Dilma Rousseff, o governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes.

Vão atuar na fiscalização 308 agentes, da própria Secretaria da Ordem Pública e da Guarda Municipal, em 22 pontos de patrulhamento ostensivo, três deles com cães. A ação contará ainda com 15 reboques, 14 viaturas e dois caminhões-depósito.

O esquema de trânsito montado pela prefeitura do Rio para o evento teste prevê a interdição ao tráfego de 13 ruas no entorno do estadio, a partir das 16h e até as 22h. Os moradores dessas ruas terão que apresentar comprovantes de residência para entrar ou sair de carro da área interditada.

O maior impacto será o fechamento da pista sentido centro da Avenida Radial Oeste, importante via de ligação entre a zona norte e o centro da cidade. Cinquenta e quatro linhas de ônibus terão seus itinerários alterados durante as seis horas de interdição.

De acordo com o secretário municipal de Transportes, Carlos Roberto Osório, “o esquema é um importante teste para a prefeitura, com vistas à Copa das Confederações”. O evento de hoje, no entanto, vai receber um público de 27 mil pessoas, 30% da capacidade do estádio após a reforma.

Uma novidade neste esquema é a interdição ao tráfego do Viaduto Oduvaldo Cozzi, que liga a pista sentido zona norte da Radial Oeste com a Avenida Maracanã. A circulação pelo viaduto ficará restrita aos pedestes que descem dos trens da Supervia na Estação São Cristóvão para chegar ao estádio. “Se a experiência der certo, será aplicada daqui para a frente, nos dias de jogo no Maracanã”, disse o secretário municipal de Transportes.

 

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 27/04/2013 ás 15h

Compartilhe

Evento proibirá comércio ambulante no entorno do Maracanã