Estudo inédito aponta que empresas terceirizam sem formalizar contrato

Fonte CSK Comunicação. 19/11/2009 às 0h
Encontro Nacional de Gestores de Contrato, no dia 27 de outubro em São Paulo, a Associação Nacional de Gestão de Contratos (ANGC) lançou a primeira pesquisa “Gestão de Contratos nas Empresas”, realizada em conjunto com a BDO, quinta maior empresa de auditoria tax e advisory. Esse estudo apontou que 50% das empresas praticam algum tipo de terceirização sem contrato formal.
 
“Como a terceirização e a prestação de serviços são tendências não só no mundo corporativo, mas também nas relações de trabalho, não podemos mais deixar as responsabilidades sem documentar formalmente”, aconselha Walter Freitas, diretor executivo da ANGC.
 
Nesse cenário, o profissional de gestão de contratos teria importante papel a desempenhar. Mas, na prática, conforme a pesquisa demonstra, 23% das empresas ainda não possuem uma área formal de gestão de contratos, e. 50% delas não utilizam métodos estruturados para essa finalidade. O outsourcing na gestão de contratos é um dos serviços menos utilizado nas empresas, ao contrário da digitalização que chega a 52%.
 
As áreas de Compras e TI são as que demandam maior atenção departamental, com 55% dos respondentes. Os contratos de Compras são os que recebem mais atenção das corporações (75%).
 
Outro ponto verificado pela pesquisa diz respeito ao uso de minutas próprias: no Brasil, elas correspondem a menos de 40% do volume dos contratos em quase metade das empresas pesquisadas, o que é considerado baixo se comparado com as práticas internacionais, de 80%.
 
Perfil da Pesquisa - O estudo foi realizado em corporações de diversos setores por todo o País pelo método Survey - muito semelhantes a utilizados nos censos, mas se diferencia por examinar somente uma amostra, via web. A pesquisa teve o apoio da Trevisan Escola de Negócios.
 
Sobre a ANGC:
 
A Associação Nacional dos Gestores de Contratos (ANGC) é uma entidade sem fins lucrativos criada em setembro de 2007, por iniciativa de alguns empresários e profissionais envolvidos em atividades de gestão de contratos. Com um histórico de três Encontros Nacionais já realizados (sediados pelo Unibanco, Abril e Ernst&Young) e com mais de 300 membros, tem como principal objetivo desenvolver a comunidade de gestores de contratos através de fóruns de discussão sobre melhores práticas de gestão para as empresas, divulgação de metodologias (modelos de gestão), indicadores e Cursos especializados, que são temas em alta expansão no mercado brasileiro. Para obter mais informações, acesse o site www.angc.org.br.
CSK Comunicação.
Fonte CSK Comunicação. 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Estudo inédito aponta que empresas terceirizam sem formalizar contrato