Estratégia Global da Ford concentra esforços na redução de resíduos

Fonte Imprensa Ford 27/02/2013 às 11h

 

 

Incentivar os funcionários, em todas as suas instalações, a desempenhar um papel ativo na redução de resíduos, uma melhor reciclagem, além de trabalhar com fornecedores globais que utilizem embalagens “amigas do meio ambiente”, são os objetivos do novo plano quinquenal da Ford, em busca de maior qualidade de vida nas regiões onde a companhia atua.
“Reduzir o desperdício é muito importante na estratégia da empresa para a construção de um sistema de manufatura de classe mundial”, disse John Fleming, vice-presidente executivo de Manufatura Global e Relações do Trabalho da Ford Motor Company.
O lema é – Reduzir, reutilizar e reciclar, operação que também pode trazer benefícios financeiros. Em 2012, a Ford teve 225 milhões de dólares em receita através da reciclagem de 568 mil toneladas de sucata só nos Estados Unidos e Canadá. Trata-se de um compromisso da empresa que se aplica de forma abrangente desde os locais de produção de veículos até os pontos de venda.
A nova estratégia também se baseia no sucesso obtido pela Ford entre 2007 e 2011, quando a quantidade de resíduos enviados para aterro, por veículo, caiu de 17,19 para 10,29 quilos - uma redução de 40 por cento. A logística das reduções foi realizada através do lançamento de novas iniciativas e programas, como a reciclagem de resíduos de tintas em instalações na Austrália, Tailândia, Índia e Espanha.
A tolerância zero para resíduos nas instalações, a nível global, é um compromisso da Ford com a redução do impacto ambiental. Para isso, o programa pretende reduzir emissões de gases em 30%, por veículo produzido, até 2015. Em relação ao consumo de água a meta, também, é uma redução de 30%, até 2015. E, finalmente, o consumo de energia deverá cair 25% em média, por veículo, globalmente, até 2016.

Imprensa Ford
Fonte Imprensa Ford 27/02/2013 ás 11h

Compartilhe

Estratégia Global da Ford concentra esforços na redução de resíduos