Em anúncio sobre retirada, Obama diz que afegãos não serão abandonados

Fonte Ansa flash 21/05/2012 às 16h
O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, declarou hoje, na cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), em Chicago, que "os afegãos não serão nunca abandonados".

"No momento no qual os afegãos são chamados a assumir sua própria responsabilidade, não serão abandonados", garantiu o mandatário norte-americano ao seu homólogo do Afeganistão, Hamid Karzai, que também participa do encontro.

Obama pediu, porém, que as autoridades afegãs também assumam suas responsabilidades.

A declaração final do encontro da OTAN estabeleceu que a organização transferirá a responsabilidade pela segurança do país às forças locais até o fim de 2013, mas manterá algumas tropas no país até o fim de 2014, apenas com função de apoio.

O secretário-geral da OTAN, Anders Fogh Rasmussen, detalhou que, "ao longo de 2013, esperamos que as forças de segurança afegãs tenham o controle de todo o território". "Com a passagem à primeira fila das forças afegãs, as nossas vão recuar, de um papel de combate a um papel de apoio", reforçou.

Rasmussen acrescentou que, até o fim de 2014, "as nossas operações terminarão e a missão Isaf [Força Internacional de Assistência à Segurança] acabará". Ele observou, ainda, que a OTAN deve se manter no país até 2015 para o apoio e o treinamento das tropas afegãs.

"Ficaremos empenhados no nosso objetivo: um Afeganistão seguro e democrático em uma região estável", atestou o secretário-geral da OTAN.
Ansa flash
Fonte Ansa flash 21/05/2012 ás 16h

Compartilhe

Em anúncio sobre retirada, Obama diz que afegãos não serão abandonados