Distrito Federal reajusta salário dos médicos da rede pública

Fonte Agência Brasil 17/05/2013 às 18h

Brasília - Os salários dos médicos da rede pública do Distrito Federal serão reajustados em setembro, conforme o plano de cargos e salários anunciado na noite dessa quinta-feira (16). O aumento chegará a 66% nos próximos três anos.

O piso salarial de um médico que trabalha 40 horas é R$ 7.838,57 e o teto R$ 12.672,95. O aumento progressivo fará com que em 2015 os valores cheguem a R$ 13.286,70 e R$ 16.207,53, respectivamente. Os salários dos profissionais que fazem metade da carga horária também foi alterado. O piso, em três anos, chegará a R$ 6.643,35 e o teto a R$ 8.103,77.

A ideia é estimular os médicos a se dedicarem à rede pública de saúde. “Um dos grandes problemas da prestação do serviço de saúde é atrair e manter os médicos na rede pública. A nova estrutura de carreira permitirá melhor atendimento de nossa população”, explicou o secretário de Administração Pública, Wilmar Lacerda.

Segundo o presidente do SindMédico-DF, Gutemberg Fialho, o plano de cargos e salários agradou os profissionais do setor. "O anúncio do governo preenche todas as nossas reivindicações".

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 17/05/2013 ás 18h

Compartilhe

Distrito Federal reajusta salário dos médicos da rede pública