Diretor do BC diz que queda dos juros também reflete esforço de levar a inflação para o centro da meta

Fonte Agência Brasil 10/05/2012 às 0h
 O diretor de Assuntos Internacionais do Banco Central (BC), Luiz Awazu Pereira da Silva, disse hoje (9), após o lançamento do Plano de Ação para Fortalecimento do Ambiente Institucional, no Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que a tendência de queda dos juros reais ocorre “em função dos melhores fundamentos macroeconômicos”. A isso, junta-se, também, o esforço da autoridade monetária para que a inflação convirja para o centro da meta (4,5% ao ano).

Quanto à questão da inclusão financeira, foco do plano de ação apresentado momentos antes pelo presidente do BC, Alexandre Tombini, o diretor disse que a autoridade monetária tem atuado de forma decisiva para que o atendimento bancário chegue a todas as parcelas da população. Notadamente às camadas de menor renda.

Perguntado se o aumento da inclusão não contribuiria para o crescimento da inadimplência entre as pessoas físicas, Awazu ressaltou que o BC exerce “regulação moderadora” para que a expansão do crédito se dê de forma sustentável. Citou, como exemplo, que, no final de 2010, o BC adotou medidas prudenciais para esfriar o ritmo de endividamento nas compras de veículos, pois já se observava, na época, problemas de atraso de pagamento.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 10/05/2012 ás 0h

Compartilhe

Diretor do BC diz que queda dos juros também reflete esforço de levar a inflação para o centro da meta