Dilma Rousseff assiste à apresentação da Orquestra Simón Bolívar

Fonte Ascom MinC 10/04/2013 às 20h

Em turnê pelo Brasil, a Orquestra Sinfônica da Venezuela, 'Simón Bolivar', realizou uma apresentação no Teatro Nacional Cláudio Santoro, em Brasília, nesta terça-feira (9/4). Os músicos deram início à apresentação com o Hino Nacional brasileiro e na sequência apresentaram diversas peças sob a regência do maestro Gutavo Dudamel.

O concerto foi prestigiado pela presidenta Dilma Rousseff e várias outras autoridades do primeiro escalão do governo brasileiro, como a ministra da Cultura, Marta Suplicy, o ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, além do governador de Brasília, Agnelo Queiroz, e do embaixador da Venezuela no Brasil, Maximilien Arveláiz.Na tarde do mesmo dia, a presidenta Dilma Rousseff condecorou o fundador da Orquestra, o pianista José Antônio Abreu, com o mais alto grau da Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul, principal comenda do governo brasileiro. A Orquestra Sinfónica Simón Bolívar é fruto de um sistema de ensino que procura auxiliar jovens nascidos em famílias com dificuldades econômicas extremas.Experiência venezuelana com orquestras infantojuvenis

A ministra conversou com o maestro sobre as características dos Centros Unificados das Artes e dos Esportes (CEUs) brasileiros e quis saber como funciona a orquestra venezuelana. José Abreu explicou que se trata de um coletivo de formação musical para jovens, que oferece apoio social simultaneamente. A formação dos alunos é gratuíta e eles recebem um instrumento para fazer parte da orquestra.

Os mais novos iniciam o aprendizado em orquestras infantis, evoluindo (com a idade e a técnica) para orquestras juvenis. Escolhidos entre os melhores das diversas orquestras espalhadas pelo país, os músicos da Orquestra Sinfônica Simón Bolívar representam o topo do sistema de ensino, conhecido como "El Sistema".Segundo a ministra, o projeto iniciado por Abreu nos anos 70 é um sucesso e uma mostra do potencial que os jovens demonstram mediante oportunidades. "Estou impressionada com a qualidade e os resultados do trabalho de vocês. A orquestra é a representação de que sempre há como recuperar o tempo perdido. É uma mostra do grande potencial das comunidades carentes", comentou.Música erudita nos CEUs
Ministra MArta Suplicy recebe maestros brasileirosDez maestros brasileiros foram convidados pela ministra Marta Suplicy para conversar com os convidados venezuelanos. Amilson Godoy, Arthur Barbosa, Carlos Moreno, Cláudio Cohen, Henrique Morelenbaum, Isaac Karabtchevsky, Jamil Maluf, Júlio Medaglia , Lutero Rodrigues e Roberto Duarte recepcionaram os visitantes.O intuito do encontro foi conhecer mais detalhadamente o funcionamento do 'El Sistema' e colocar gestores do MinC e os maestros brasileiros em contato com a experiência venezuelana. A ideia é buscar novos subsidios para a elaboração de uma proposta adaptada à realidade do Brasil, a ser implantada nos CEUs.

Ascom MinC
Fonte Ascom MinC 10/04/2013 ás 20h

Compartilhe

Dilma Rousseff assiste à apresentação da Orquestra Simón Bolívar