Dilma cancela reunião sobre regulamentação de direitos de trabalhadores domésticos

Fonte Agência Brasil 30/04/2013 às 20h

 

Brasília – A presidenta Dilma Rousseff cancelou a reunião que faria hoje (30) à tarde para definir a regulamentação da Emenda à Constituição 72, que igualou os direitos trabalhistas dos empregados domésticos aos das demais categorias.

Os ministros do Trabalho, Manoel Dias, da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci, do Planejamento, Miriam Belchior, e da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, estiveram de manhã no Palácio da Alvorada para discutir o assunto, mas deixaram a residência oficial em seguida, porque a reunião foi transferida para as 15h. No entanto, o encontro foi cancelado e, na agenda da presidenta Dilma Rousseff, só consta uma reunião com o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel.

Apesar da agenda oficial, os ministros que chegaram ao Palácio da Alvorada no começo da tarde e estão reunidos com a presidenta são os da Educação, Aloizio Mercadante, e da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Mais cedo, Garibaldi disse que faltam poucos pontos a serem discutidos para regulamentar a emenda. O relator da comissão mista que analisa a matéria no Congresso Nacional, senador Romero Jucá (PMDB-RR), disse que, assim que tiver uma proposta de regulamentação da emenda, o governo federal encaminhará o texto ao Congresso. O intuito é chegar a um consenso.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 30/04/2013 ás 20h

Compartilhe

Dilma cancela reunião sobre regulamentação de direitos de trabalhadores domésticos