Cristovam defende 'educacionismo' em lançamento de livro

Fonte Agência Senado 11/04/2013 às 21h

No lançamento do livro Educação é a Solução - É possível! , nesta quinta-feira (11) na Biblioteca do Senado, o senador Cristovam Buarque (PDT-DF) declarou que o maior desafio do Brasil consiste em quebrar a "mentalidade escravocrata" que estabelece a desigualdade entre educação de ricos e pobres. O senador, que defende em sua obra a federalização da educação de base, comparou o "movimento educacionista" - tido por ele como necessário para o futuro do país - ao movimento abolicionista do século 19.

 
 
- Ficou na mente do Brasil por mais de 300 anos que era natural alguns serem escravos e alguns não serem escravos. A escravidão só começa a ser combatida quando se começa a colocar na mente dos brasileiros a ideia de que era injusto e indecente alguns serem escravos - lembrou, criticando a falta de preocupação com a riqueza intelectual dos brasileiros.
 
Segundo as estatísticas mostradas por Cristiovam, um indivíduo de classe média no Brasil gasta R$ 250 mil reais em formação durante sua vida, enquanto para um indivíduo pobre o investimento cai para R$ 12 mil. O senador cobrou mais verbas e mais qualidade no ensino.
 
 
 
 
- Não tem futuro um país cuja educação não forma pessoas com competência para entender o mundo, para deslumbrar-se com o mundo, para lutar contra as injustiças do mundo, para ter um conhecimento técnico que permita mudar o mundo - declarou.
 
 
 
 
Cristovam Buarque acredita que a federalização supriria as grandes desigualdades de renda entre os municípios brasileiros, além de proporcionar padrões mais elevados para as escolas. Ele lembrou que as escolas federais têm os melhores conceitos no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).
 
 
 
 
 
Os conceitos do livro estão na pauta do seminário agendado para esta sexta-feira (12) no Interlegis, quando Cristovam explicará a federalização para representantes de 25 estados através de videoconferência. O seminário também será transmitido pelo portal do Interlegis na Internet.

 

Agência Senado
Fonte Agência Senado 11/04/2013 ás 21h

Compartilhe

Cristovam defende 'educacionismo' em lançamento de livro