Crianças pelo meio ambiente

Fonte Ascom - MMA 24/03/2013 às 11h

Website voltado para o público infantil abre o debate sobre conservação dos recursos naturais


Um sistema de internet capaz de ligar crianças de todo o país com um objetivo comum: salvar os recursos naturais. Essa é a proposta da "Rede+Criança - Alô, planeta Terra: vamos nos conectar". A plataforma foi lançada na tarde desta sexta-feira (22/03), no Rio de Janeiro, pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, e pela apresentadora Xuxa Meneghel. A ferramenta resulta de articulação lançada na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), realizada em junho de 2012.

Criada pela Fundação Xuxa Meneghel, a Rede+Criança conta com a parceria do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e consiste numa página virtual dedicada ao público infantil. Pelo website, crianças em qualquer lugar do mundo poderão escrever textos, encaminhar fotos e compartilhar experiências a respeito do meio ambiente. A plataforma tem o objetivo de contribuir para as políticas públicas em desenvolvimento no país e estimular a discussão do tema entre os meninos e meninas de todo o país.

O envolvimento do público infantil na questão ambiental é uma forma de chamar a atenção da sociedade. Para a ministra, é importante reforçar o conceito de responsabilidade comum em relação ao tema. "Uma rede como esse dá o sentido de coletividade em um mundo que está ficando cada vez mais individualizado", analisou. "É preciso criar espaços diversos para que todos possam dialogar e discutir o meio ambiente."

DEBATE

O lançamento da plataforma virtual ocorreu no Jardim Botânico do Rio de Janeiro e teve a participação de crianças e adolescentes de várias partes do Brasil. Durante o evento, o público mirim participou do debate "Sustentabilidade: um diálogo entre gerações". Além da ministra e de Xuxa, o bate-papo incluiu a atriz Christiane Torloni e a secretária nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente, Angélica Moura Goulart.

O diálogo girou em torno das diferentes formas de preservar os recursos naturais, desde ações simples que podem começar em casa até o combate ao desmatamento. "O movimento é importante porque traz um conceito amplo da sustentabilidade e trata também de questões ligadas aos direitos humanos", declarou a ministra.

Para Xuxa, é importante dar espaço para o público infantil no debate ambiental. "As crianças também precisam ser ouvidas. Espero que haja muitas contribuições na rede e que elas sejam vistas. É assim que a gente começa e chega a um resultado legal", defendeu. "Estamos vendo nascer no país um novo conceito. O amor à natureza está sendo despertado também aqui no asfalto", emendou Christiane Torloni.

O evento marcou ainda o lançamento do livro Carta das Crianças para a Terra. A publicação mostra o histórico do projeto +Criança na Rio+20, embrião que originou a plataforma virtual. A carta foi escrita por meninos e meninas e entregue para a Izabella durante a Rio+20.

Ascom - MMA
Fonte Ascom - MMA 24/03/2013 ás 11h

Compartilhe

Crianças pelo meio ambiente