Correta classificação de materiais e serviços ajuda empresas a evitar problemas com o Fisco

Fonte Medialink Comunicação 14/04/2013 às 10h

Empresas devem se atentar a padronização de cadastros para evitar exposição fiscal

A Receita Federal tem sido cada vez mais exigente quanto aos dados entregues no SPED (Sistema Público de Escrituração Digital), notificando empresas que entregam a documentação eletrônica com dados incompletos ou incorretos, inclusive sobre compras e armazenamento de materiais. A Astrein, empresa especializada em soluções e software para gestão de ativos, facilities e centrais de cadastro, oferece base de itens personalizados e solução para centralização e saneamento de cadastro de materiais e serviços, capaz de garantir a correta classificação de itens para a documentação fiscal.

Muitos dos aspectos relacionados à Nota Fiscal eletrônica e o SPED, tem como pré-requisito a padronização técnica dos itens. “Este assunto não pode mais ser ignorado e todas as empresas com grande número de materiais em estoque ou que realizam grandes compras têm que se precaver e se adaptar o quanto antes para não sofrerem punições”, explica Marcelo Ávila Fernandes, diretor presidente da Astrein.

Uma das exigências da Receita é a apresentação de itens do almoxarifado com descrição detalhada e código de classificação fiscal correto. Diante deste novo cenário as empresas têm que se atentar ao cadastro de materiais para atender corretamente a mais esta demanda. “A solução da Astrein já é usada por clientes dos segmentos de construção, indústria e agronegócio, mas estamos percebendo aumento no interesse de empreendimentos como shoppings, hospitais, entre outros”, comenta Fernandes.

A Astrein conta com mais de 4 milhões de itens e 10 mil PD´s (Padrão de descrição)prontos para atender as necessidades de empresas de diversos segmentos. A empresa desenvolveu bases de dados prontas com descrição completa de materiais e serviços, opções multi-idiomas, formação de descrições curta e longa, categorização por família, definição de Nomenclatura Comum do Mercosul, alíquota de IPI, entre outros dados.

Além de oferecer classificação fiscal adequada às obrigatoriedades do governo, a solução para Central de Cadastros da Astrein permite aos clientes unificar e padronizar os dados para realizar compras mais assertivas, melhorar gestão da área de suprimentos, reduzir custos e gerar indicadores confiáveis para as tomadas de decisões.

Sobre a Astrein

Com sede em São Paulo e mais de 20 anos de experiência, a Astrein atua no desenvolvimento de software, treinamento e serviços nas áreas de centrais de cadastro, gestão de ativos, gestão defacilities.

A empresa possui o software especialista Astrein, desenvolvido para atender empresas que atuam em ambientes descentralizados, com muitos usuários demandando serviços de varias especialidades, envolvendo equipes internas ou terceirizadas e muitos fornecedores. O software Astrein se aplica a empresas dos mais diversos segmentos, proporcionando maior agilidade, eficiência e dinamismo nas ações dos departamentos de serviços e manutenção, reduz o tempo de atendimento, permite a realização de análises técnicas e gerenciais e, principalmente, a redução de despesas.

A Astrein atende empresas de grande e médio porte e conta com mais de 400 clientes.

Medialink Comunicação
Fonte Medialink Comunicação 14/04/2013 ás 10h

Compartilhe

Correta classificação de materiais e serviços ajuda empresas a evitar problemas com o Fisco