Coreia do Norte reduz estado de alerta para as forças armadas

Fonte Ansa flash 07/05/2013 às 21h

O estado de alerta máximo foi declarado em março pelo governo de Pyongyang em resposta aos exercícios militares conjuntos promovidos por Seul e Washington

SEUL, 7 MAI (ANSA) - Fontes do governo sul-coreano informaram hoje que a Coreia do Norte reduziu o estado de alerta para todas as unidades das Forças Armadas e removeu os dois mísseis de médio alcance posicionados na costa leste do país.

Os mísseis Musudan, com alcances de entre 3 e 4 mil metros, estavam apontados para a Coreia do Sul, as ilhas do Havaí e de Guam, além de outros locais estratégicos do território norte-americano, como bases militares dos Estados Unidos no Pacifico.

O estado de alerta máximo foi declarado em março pelo governo de Pyongyang em resposta aos exercícios militares conjuntos promovidos entre Seul e Washington.

O Japão, no entanto, está mantendo o estado de vigilância. O porta-voz do governo, Yoshihide Suga, declarou que o governo japonês está monitorando "a situação com grande preocupação". "Estamos tomando todas as medidas possíveis para proteger a vida e a segurança do povo japonês", destacou.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, por sua vez, declarou que o líder norte-coreano Kim Jung-um "deve regressar à comunidade internacional, colaborar para a desnuclearização da península coreana e, assim, garantir a prosperidade de seu povo".

Ansa flash
Fonte Ansa flash 07/05/2013 ás 21h

Compartilhe

Coreia do Norte reduz estado de alerta para as forças armadas