Coreia do Norte destrói cidades na fronteira com a China, diz jornal

Fonte Ansa flash 30/04/2013 às 18h

A medida visa a evitar deserções, segundo o diário Chosun Ilbo

TÓQUIO, 30 ABR (ANSA) - O governo norte-coreano está destruindo cidades localizadas na fronteira com a China, na região do rio Duman, com o objetivo de evacuar os moradores para o sul e evitar deserções, informaram fontes de Seul para o diário Chosun Ilbo.

Grupos de soldados norte-coreanos "estão transferindo de forma forçada os habitantes para lugares mais afastados da fronteira", informou o jornal. Na cidade de Onsong, 100 casas foram destruídas em uma área onde possivelmente há um grande número de desertores, enquanto ativistas exilados na Coreia do Sul advertiram que foram realizadas execuções sumárias.

"O regime acredita que reprimir o fenômeno das deserções é um método eficaz para permanecer no poder", disseram fontes do governo sul-coreano.

A Coreia do Norte intensificou o controle nas fronteiras instalando novos sistemas de vigilância, entre os quais dispositivos que rastreiam sinais de telefonia móvel.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 30/04/2013 ás 18h

Compartilhe

Coreia do Norte destrói cidades na fronteira com a China, diz jornal