Consulta pública em Goiás debaterá projeto florestal no Cerrado

Fonte Serviço Florestal Brasileiro 13/03/2013 às 20h

Consulta pública em Goiás debaterá projeto florestal no Cerrado

Proposta de atividade para conhecer os recursos florestais do bioma e para implementar sistema nacional de informações florestais serão apresentados em encontro aberto ao público


O Serviço Florestal Brasileiro (SFB) realiza nesta terça e quarta-feira, 12 e 13/03, em Goiânia (GO), uma consulta pública para apresentar o projeto de geração de informações florestais sobre o Cerrado a serem desenvolvidas com os R$ 33 milhões doados pelo Programa de Investimento Florestal (FIP, na sigla em inglês), que apoia atividades sustentáveis em países em desenvolvimento.

O objetivo é informar diversos segmentos da sociedade – proprietários rurais, empresários, estudantes, pesquisadores, representantes de órgãos de meio ambiente e áreas afins – sobre o projeto, esclarecer dúvidas e receber sugestões, mapear possíveis parcerias e identificar prioridades, ampliando a governança sobre a iniciativa.

“Estamos na fase de detalhamento do projeto e a consulta pública visa contribuir para esse processo. Também queremos estreitar o contato com futuros parceiros”, afirma o gerente de Informações Florestais do SFB, Daniel Piotto.

No encontro, os participantes conhecerão as duas atividades que integram a proposta aprovada pelo FIP. Uma é o levantamento das florestas do cerrado por meio do Inventário Florestal Nacional (IFN); a outra, a implementação do Sistema Nacional de Informações Florestais (SNIF). Ambas integram programas governamentais do Ministério do Meio Ambiente que estão sob a coordenação do SFB. O recurso do FIP ajudará a viabilizar essas iniciativas.

Florestas do Cerrado
Conhecer as florestas do Brasil por dentro é o objetivo do IFN. Os recursos do FIP serão usados especificamente para o trabalho realizado no Cerrado, bioma que abrange 24% do território nacional e é considerado hotspot mundial devido a sua riqueza biológica.

Já o Snif constituirá uma base de dados florestais de todo o país. Por meio dele serão disponibilizados os resultados do Inventário, além de informações sobre a gestão florestal nos estados, como autorizações, fiscalizações, transporte de produtos florestais e outros via o Portal Nacional da Gestão Florestal.

A consulta pública permitirá concluir o projeto para iniciar sua execução. Além do projeto sob responsabilidade do SFB, há outros três que compõem o Plano de Investimentos do Brasil aprovado pelo FIP. Esses planos tratam de atividades do Cadastro Rural Ambiental (CAR); do Plano ABC, de agricultura de baixo carbono, e do estabelecimento de um sistema de prevenção de incêndios florestais e de monitoramento do desmatamento no Cerrado.

O FIP está ligado aos Fundos de Mudanças do Clima (FMC) e visa catalisar e mobilizar recursos para a redução do desmatamento e da degradação florestal, além de promover melhorias na gestão florestal que resultem em impactos positivos para a redução de emissões, promoção do manejo florestal sustentável e proteção dos estoques de carbono florestal.

Além do Brasil, o FIP apoia Burkina Faso, Indonésia, Peru, República Democrática do Congo, Gana, México, Peru e República Democrática do Laos.

Serviço Florestal Brasileiro
Fonte Serviço Florestal Brasileiro 13/03/2013 ás 20h

Compartilhe

Consulta pública em Goiás debaterá projeto florestal no Cerrado