Construtora Altana forma nova joint-venture de R$ 120 milhões

Fonte ECCO – Escritório de Consultoria e Comunicação 27/05/2013 às 20h

Incorporadora e Paladin Realty vão lançar juntos VGV de R$ 500 milhões, em dois anos

A Construtora Altana firmou uma nova e vigorosa join-venture com a administradora norte-americana de Fundos de Investimentos Imobiliários, Paladin Realty Partners. A parceria de R$ 120 milhões planeja desenvolver, em dois anos, mais de 2.400 unidades residenciais nos seguimentos de padrão econômico e médio/baixo na Grande São Paulo e Campinas, com um VGV total projetado de R$ 500 milhões. Esta é a segunda vez que o Paladin Realty faz uma joint-venturecom a Altana.

Em 2009, a Altana e Paladin se associaram em uma primeira joint-venture, chamada A-PIMA, para desenvolver nove projetos no segmento econômico, totalizando cerca de 3.171 unidades residenciais e um VGV de mais de R$ 495 milhões. Das 2.673 mil unidades lançadas até o momento, 2.6 mil foram vendidas. O último empreendimento desta primeira plataforma, o Villas da Granja, localizado na região da Granja Viana, na Grande São Paulo, será lançado na próxima semana. "Com o Villas a primeira fase da joint-venture estará completa. Nossa expectativa é de vendermos todas as unidades antes do início das obras, como sempre tem ocorrido em todos os nossos empreendimentos", conta Frederico Azevedo, diretor da Altana.

Considerando a nova joint-venture, a A-PIMA II, os lançamentos da Altana em conjunto a Paladin ficarão próximos a R$ 1 bilhão no período de seis anos. “Estamos bastante entusiasmados em expandir nossa presença no Brasil, onde continuamos a ver uma demanda crescente por habitações econômicas, especialmente em São Paulo, como resultado da demografia favorável do país, aumento da prosperidade e maior acesso a financiamentos imobiliários. Nosso relacionamento com a Altana provou-se bem sucedido e estamos ansiosos em continuar trabalhando com eles nesta nova plataforma", disse o diretor da Paladin, Randall Loker.

Do total dos lançamentos, cerca de 60% terão preço unitário de até R$ 200 mil e 40%, com valor de R$ 250 mil a R$ 450 mil. A maioria das unidades vão se enquadrar no programa habitacional Minha Casa, Minha Vida.

Sobre a Construtora Altana

A Construtora Altana atua na incorporação de empreendimentos residenciais há nove anos no Estado de São Paulo e desenvolve soluções inovadoras de moradia com foco direcionado ao chamado Segmento Econômico do Mercado Imobiliário e atenção permanente à qualidade de seus empreendimentos. Mais informações: http://www.construtoraaltana.com.br/

ECCO – Escritório de Consultoria e Comunicação
Fonte ECCO – Escritório de Consultoria e Comunicação 27/05/2013 ás 20h

Compartilhe

Construtora Altana forma nova joint-venture de R$ 120 milhões