Comunidade agrícola de Candeia do Jamari vira cenário de curta-metragem patrocinado pela Petrobras

Fonte Agência Petrobras 09/08/2014 às 10h
Filme selecionado pelo Concurso Nacional de Histórias do ‘Revelando os Brasis’ será exibido em setembro

A comunidade agrícola de Pamus, em Candeia do Jamari (RO), foi o cenário escolhido pela vendedora Joelma Soares, 42 anos, para dirigir as gravações do filme “A Troca”. A produção escrita pela rondoniense foi uma das 20 histórias selecionadas pelo Concurso Nacional de Histórias do ‘Revelando os Brasis’, projeto desenvolvido pelo Instituto Marlin Azul que conta com o patrocínio da Petrobras. O enredo, que concorreu com mais de 900 inscritos, foi gravado entre os meses de junho e julho e contou com a participação de alunos do curso de Letras da Universidade Federal de Rondônia, da comunidade e dos familiares da Joelma.

Em setembro, a película será exibida em sessão especial de cinema do circuito itinerante, etapa final do projeto ‘Revelando os Brasis’. A apresentação acontecerá na praça do Complexo Balneário, centro de Candeia do Jamari. “Todos estão ansiosos para ver o filme. Porque, de alguma forma, a cidade inteira contribuiu para a realização desse sonho”, ressalta Joelma.

O curta, que está em fase de produção e montagem, conta com humor uma negociação envolvendo índios e crianças. No meio do seringal, os personagens desenvolveram um escambo um tanto fora do comum, em que os irmãos trocarão a irmãzinha mais nova por um papagaio. Para dar vida à narração, Joelma participou durante duas semanas de aulas de cinema e produção audiovisual ministradas na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). As filmagens transcorreram em cinco dias e contou com equipe formada por cinegrafistas, figurinistas e fotógrafos do Instituto Marlin Azul.

REVELANDO OS BRASIS

Com o maior número de inscritos entre todas as edições (951), o quinto concurso do ‘Revelando os Brasis’ selecionou histórias de cidades das cinco regiões brasileiras. Há representantes das cidades de Barra de Santa Rosa e Aparecida (Paraíba), Arroio do Sal (Rio Grande do Sul), Palmeiras (Bahia), Meruoca, Aiuaba e Uruburetama (Ceará), Arraias (Tocantins), Douradina (Paraná), Tabapuã e Corumbataí (São Paulo), Candeias do Jamari (Rondônia), Irineópolis (Santa Catarina), Águia Branca e Vargem Alta (Espírito Santo), Brazópolis (Minas Gerais), São Domingos do Azeitão (Maranhão), Santarém Novo (Pará), Ladário (Mato Grosso do Sul) e Lajes (Rio Grande do Norte).

O grupo selecionado para participar desta edição é formado por dez professores, três jornalistas, dois produtores culturais, uma pedreira, um vendedor, uma estudante, um sociólogo e um ferroviário aposentado. Todos residem em municípios com até 20 mil habitantes. Como nas edições anteriores, os filmes do projeto serão lançados em DVD com distribuição gratuita entre organizações sociais e culturais, bibliotecas, universidades e cineclubes de todo o Brasil. Mais informações sobre o projeto estão disponíveis no site www.revelandoosbrasis.com.br.
Agência Petrobras
Fonte Agência Petrobras 09/08/2014 ás 10h

Compartilhe

Comunidade agrícola de Candeia do Jamari vira cenário de curta-metragem patrocinado pela Petrobras