Comissão de Cultura lança campanha Teatro Acessível, Arte, Prazer e Direitos

Fonte Agência Câmara Notícias 09/05/2013 às 9h

 

 

A Comissão de Cultura promove audiência pública hoje, a partir das 9 horas, no Plenário 2, para lançar a campanha “Teatro Acessível, Arte, Prazer e Direitos”, em parceria com a Escola de Gente e o Ministério da Cultura, por meio da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural.

O evento atende requerimento do deputado Jean Wyllys (Psol-RJ). Ele ressalta que a campanha “Teatro Acessível. Arte, Prazer e Direitos”, idealizada e lançada pela Escola de Gente – Comunicação em Inclusão, em junho de 2011, tem por objetivo disseminar por todo o Brasil a cultura e a prática do teatro acessível.

Segundo Wyllys, a ideia é realizar anualmente, a partir de 2014, um dia de ação nacional com amplo apoio da mídia e assim disseminar entre toda a sociedade a prática de uma cultura inclusiva. Essa iniciativa é uma parceria da Frente pela Cultura, da Escola de Gente e Ministério da Cultura.

O parlamentar destaca ainda que, em 2007, a Escola de Gente inovou o cenário cultural brasileiro ao realizar o primeiro espetáculo com total acessibilidade no Brasil, o Ninguém mais vai ser bonzinho, “um bem sucedido espetáculo que ainda hoje circula pelo País apresentando de forma lúdica modos de não se discriminar pessoas com deficiência”.

Foram convidados:
- os representantes do Centro de Apoio a Mães de Portadores de Eficiência (Campe), Keila Leite Chaves e Antônio David Sousa de Almeida;
- a representante do Núcleo de Estudos sobre Deficiência, da Universidade Federal de Santa Catarina, Anahi Guedes de Mello;
- a jornalista e escritora Claudia Werneck, fundadora da Escola de Gente;
- a secretária da Cidadania e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura, Márcia Rollemberg;
- o presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte), Antonio Grassi;
- o representante do Centro de Apoio a Mães de Portadores de Eficiência e do Conselho Nacional de Juventude, Antonio David de Almeida;
- o presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República, Alexandre Camanho de Assis;
- a atriz Tatá Werneck, fundadora do grupo de teatro Os Inclusos e os Sisos - Teatro de Mobilização pela Diversidade da Escola de Gente;
- um representante da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República; e
- um representante da Controladoria Geral da União.

Agência Câmara Notícias
Fonte Agência Câmara Notícias 09/05/2013 ás 9h

Compartilhe

Comissão de Cultura lança campanha Teatro Acessível, Arte, Prazer e Direitos