Com fim de trégua, Israel responde a ataques do Hamas

Fonte ANSA 08/08/2014 às 9h

Cessar-fogo na Faixa de Gaza durou três dias e expirou hoje

08 Agosto, 09:21•GAZA•ZBF

(ANSA) - O Hamas decidiu nesta sexta-feira (8) não prolongar o cessar-fogo de 72 horas com Israel na Faixa de Gaza.

De acordo com dirigentes do Hamas, a decisão foi tomada porque Israel se recusou a aceitar solicitações do grupo palestino. Por sua vez, o Exército israelense anunciou que dois foguetes do Hamas entraram no espaço aéreo do país antes mesmo da trégua terminar. Até o momento, ao menos 10 disparos teriam sido feitos da Faixa de Gaza. O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e o ministro da Defesa, Moshe Yaalon, deram ordens para as forças militares responderem aos lançamentos de foguetes. Um menino palestino teria morrido em um dos ataques israelenses contra a Faixa de Gaza, de acordo com a agência de notícias Maan.

Outras cinco crianças teriam ficado feridas. As negociações de cessar-fogo definitivo no Egito entre israelenses e palestinos foram interrompidas após os ataques desta sexta-feira. A delegação de Israel até deixou o Cairo, segundo a imprensa local. Os recentes confrontos entre Israel e o Hamas começaram no dia 8 de julho, após três jovens israelenses serem sequestrados na Cisjordânia, e um palestino ser assassinado. (ANSA)
ANSA
Fonte ANSA 08/08/2014 ás 9h

Compartilhe

Com fim de trégua, Israel responde a ataques do Hamas