COB reforça judô brasileiro com contratação de treinadora japonesa

Fonte CBJ* 01/05/2013 às 10h

Yuko Nakano se juntará a uma lista de outros 31 treinadores estrangeiros de 19 nacionalidades, que atuam em 21 seleções olímpicas

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) está trazendo mais um reforço internacional para o Time Brasil rumo aos Jogos Olímpicos Rio 2016. Seguindo planejamento conjunto com a Confederação Brasileira de Judô (CBJ), o COB contratou a treinadora japonesa Yuko Nakano para integrar a comissão técnica da Seleção Brasileira de judô. Yuko desembarca no Brasil nesta quarta-feira, dia 1º, e seu primeiro compromisso com a equipe nacional será no Centro de Treinamento Time Brasil, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro, onde os melhores judocas do país se reunirão entre os dias 13 e 17 de maio.
A japonesa treinou a equipe britânica nos Jogos Olímpicos Londres 2012, quando conquistou duas medalhas: uma prata e um bronze. Agora, Yuko tem novamente o desafio de integrar a comissão técnica do time da casa. “Me sinto muito honrada por ter recebido este convite para treinar o Brasil. Estou muito animada para compartilhar cada segundo com os atletas e equipes, até atingirmos um grande sucesso na Rio 2016”, afirma Yuko, que, como atleta, chegou à seleção nacional Júnior de seu país.
No Brasil, Yuko Nakano se juntará a uma lista de outros 31 treinadores estrangeiros de 19 nacionalidades, que atuam em 21 seleções olímpicas. Em março, o COB contratou o espanhol Jesús Morlán, um dos mais vitoriosos treinadores de canoagem do mundo. Os dois terão seus salários pagos diretamente pelo COB, enquanto os demais são apoiados graças aos recursos da Lei Agnelo/ Piva. Atualmente, o COB está em negociações avançadas para contratar outros dois treinadores estrangeiros para a ginástica artística.
“A valorização e a capacitação do trabalho dos treinadores nacionais e estrangeiros são alguns dos pilares do planejamento estratégico do COB para atingir suas metas em 2016. A Academia Brasileira de Treinadores é uma das iniciativas realizadas pela entidade neste sentido. Em outros casos, como no judô e na canoagem, o COB, em conjunto com as confederações, procura trazer treinadores estrangeiros que possam contribuir para o desenvolvimento do esporte brasileiro. Geralmente referências em seus países, estes profissionais têm a missão de agregar qualidade ao esporte nacional e ainda transferir conhecimentos para seus pares nacionais”, declarou Marcus Vinicius Freire, superintendente executivo de esportes do COB.
Seguindo o planejamento do COB de alinhar suas ações com os clubes, a treinadora também fará clínicas pelos principais centros de judô do país. Yuko viverá no Rio de Janeiro e quando não estiver treinando a seleção, preparará os atletas cariocas da equipe nacional, como Victor Penalber e Rafaela Silva. “Essa ação da Confederação Brasileira de Judô em parceria com o Comitê Olímpico Brasileiro, o grande gestor do esporte olímpico nacional, demonstra que as instituições estão trabalhando em ações positivas visando melhores desempenhos em 2016. A vinda da Yuko visa exatamente a preparação da seleção principal de judô a médio prazo. Só tenho agradecer ao COB por ter entendido essa necessidade do judô brasileiro e ter nos apoiado nessa iniciativa”, disse o presidente da CBJ, Paulo Wanderley Teixeira.
*Com informações da Assessoria de Imprensa do COB.

CBJ*
Fonte CBJ* 01/05/2013 ás 10h

Compartilhe

COB reforça judô brasileiro com contratação de treinadora japonesa