Chávez diz que hotel foi expropriado porque queria "impor condições"

Fonte Ansa Flash 19/11/2009 às 0h
O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse que pediu a expropriação de um complexo hoteleiro da rede norte-americana Hilton porque o grupo queria "impor condições" ao governo do país.

"Está expropriado porque uma parte das ações era do Estado [venezuelano, ndr.], a minoria, e então, para fazer uma cúpula como a da África tivemos que pedir permissão, segurança, e tudo isso", contou o mandatário, referindo-se à II Cúpula América do Sul-África (ASA), realizada nos dias 26 e 27 de setembro na lha de Margarita, onde localiza-se o hotel.

O governo venezuelano anunciou a expropriação do Hilton Margarita & Suítes na última terça-feira. De acordo com Chávez, os proprietários "continuam ganhando dinheiro com o turismo, e tentam impor condições ao governo revolucionário. Então eu disse que vamos expropriá-lo, e está expropriado".

Ontem, o ministro venezuelano do Turismo, Pedro Morejón, declarou à imprensa local que o governo tomou a administração do estabelecimento "exercendo seu legítimo direito acionário" já que a concessão venceu na última terça-feira.

"Nós não tomamos nenhuma medida arbitrária, porque tomamos posse legítima de um bem que pertence ao Estado", alegou Morejón.

O complexo Margarita Hilton & Suítes possui 280 quartos, 56 suítes comuns e 154 suítes de "time sharing" [sistema que dá o direito de passar uma semana em um estabelecimento por um número de anos]. O hotel também tem um cassino, ambientes comerciais, restaurantes, além de uma marina para iates.

A rede hoteleira norte-americana já anunciou que está "avaliando de que maneira a decisão do governo venezuelano afetará seus interesses no hotel".

Em 2007, o governo retirou a concessão do Caracas Hilton, da mesma rede, que passou a se chamar Hotel Alba.

Nos últimos anos, o governo do presidente Hugo Chávez realizou nacionalizações em setores que considera estratégicos, como de eletricidade, cimento, siderúrgica, petróleo, alimentos e bancário.
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Chávez diz que hotel foi expropriado porque queria "impor condições"