Centro Histórico de Belém

Fonte Ascom/MinC 10/05/2012 às 22h

Centro Histórico de Belém

 conjunto arquitetônico, urbanístico e paisagístico dos bairros da Cidade Velha e Campina, no centro histórico de Belém, foi homologado pela ministra da Cultura, Ana de Hollanda, por meio da Portaria nº 54, publicada nesta quinta-feira, 10 de maio, no Diário Oficial da União (Seção 1, página 15).

O Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural aprovou o tombamento dos dois bairros da capital paraense em maio do ano passado, durante reunião ocorrida em Brasília. Com a aprovação da proposta por parte do Conselho, quase três mil edificações da área histórica de Belém estão sob a proteção do governo federal.

Todo o processo de tombamento foi elaborado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), vinculado ao Ministério da Cultura. De acordo com o parecer do Departamento de Patrimônio Material da instituição, “a cidade de Belém, (e sobretudo os bairros Cidade Velha e Campina, enquanto sua porção mais antiga) tem grande importância no processo de conquista e colonização portuguesa no Norte do país”.

Perto de completar 400 anos, o centro histórico da cidade paraense remonta ao século XVII (ano de 1616), quando os portugueses expulsaram, de forma definitiva, os franceses do Brasil. A partir daí, Belém passou a ser elemento de ligação entre o Rio Amazonas e o mar, facilitando a posse da Amazônia.

Leia a portaria no D.O.U

Ascom/MinC
Fonte Ascom/MinC 10/05/2012 ás 22h

Compartilhe

Centro Histórico de Belém