CBDE : PMA vai lançar candidatura de Aracaju para sediar Mundial de Vôlei

Fonte CBDE 21/04/2013 às 11h
Em audiência realizada na última terça-feira, 16, o prefeito de Aracaju, João Alves Filho, recebeu do presidente da Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), Antônio Hora, a proposta de lançar Aracaju como cidade sede para o Campeonato Mundial de Vôlei de Praia de 2015. O evento, realizado a cada dois anos pela Federação Internacional de Desporto Escolar (International Sport School Federation - ISF), vai acontecer no Brasil.


Incentivador dos esportes e visionário do desenvolvimento da capital sergipana, o prefeito ficou muito entusiasmado com a possibilidade e, de imediato, formou uma comissão para viabilizar a candidatura de Aracaju.

"Quando conversei com o prefeito João Alves na audiência, ficou evidente o entusiasmo dele com a possibilidade. A CBDE fica muito feliz de ter encontrado aqui em Aracaju essa receptividade", disse Antônio Hora

Fazem parte da comissão, além do prefeito, os secretários municipais Carlos Batalha (Comunicação), Carlos Eloy (Juventude e Esporte) e Walker Carvalho (Indústria, Comércio e Turismo), e pelo presidente do CBDE, Antônio Hora. Nesta quarta-feira, 17, o grupo já se reuniu para discutir as ações que serão feitas para o lançamento da candidatura, que irá acontecer durante o Mundial deste ano, em maio, na Itália. Lá, serão apresentadas todas as potencialidades de Aracaju, para concorrer ao posto com diversas cidades brasileiras.

De acordo com o secretário municipal da Juventude e do Esporte, Carlos Eloy, a realização de um evento mundial em Aracaju vai gerar muitos benefícios para o esporte sergipano. "Esse campeonato, tendo a capital sergipana como sede, vai trazer benefícios aos atletas e vai mostrar que Aracaju tem capacidade para tal acontecimento, além dos benefícios na economia e turismo", informou Carlos Eloy.

Segundo Batalha, dentro da política de esportes determinada pelo prefeito João Alves Filho, e dentro da política de turismo, é importante captar sempre divisas para o município de Aracaju.

"Capitaneados pelo prefeito, que foi convidado pela CBDE, nós iremos aproveitar a oportunidade em que estaremos representando a Comissão da Confederação Brasileira, apresentando as condições para que Aracaju possa sediar o mundial. Estamos elaborando um material videográfico para apresentar na Itália em vários idiomas, onde serão mostradas todas as potencialidades econômicas, esportivas e turísticas de Aracaju", concluiu Batalha.

Para o secretário de Comunicação, além de movimentar a economia e potencializar o esporte, o evento irá divulgar a cidade internacionalmente. "Se conseguirmos trazer esse campeonato, teremos, durante dez dias, cerca de 500 atletas e dirigentes de vários países do mundo. Além disso, estaremos na mídia espontânea, num evento que atrai veículos de comunicação de diversos lugares, divulgando nossas riquezas", concluiu Carlos Batalha.

A previsão é que 24 países participem do campeonato de vôlei em 2015. O secretário municipal da Indústria, Comércio e Turismo, Walker Carvalho, destacou a importância do evento como atrativo turístico. "Esse evento é algo que impulsionará mais ainda o turismo em Aracaju, mostrando aos que vêm de fora o que temos de melhor. O prefeito João Alves Filho, mais uma vez, mostrou que empenha todas as suas forças para que nossa capital beneficie a todos, inclusive os jovens atletas", afirma.

No Campeonato Mundial de Vôlei de Praia deste ano, que acontece em Manfredonia, na Itália, o Brasil estará representado por uma dupla sergipana, Duda e Carol, do Colégio Instituto Dom Fernando Gomes e três duplas do Colégio Cel, do Rio de Janeiro (RJ).

CBDE
Fonte CBDE 21/04/2013 ás 11h

Compartilhe

CBDE : PMA vai lançar candidatura de Aracaju para sediar Mundial de Vôlei