Capriles e Maduro trocam provocações em campanha eleitoral venezuelana

Fonte Ansa flash 03/04/2013 às 21h

As campanhas eleitorais começaram ontem na Venezuela, sendo que as eleições estão marcadas para 14 de abril

CARACAS, 3 ABR (ANSA) - Os dois principais candidatos à Presidência da Venezuela, o opositor Henrique Capriles e o governista Nicolás Maduro, lançaram provocações durante atos eleitorais nesta quarta-feira.

Em um evento com ex-seguidores do mandatário Hugo Chávez, morto no mês passado, Capriles afirmou que o governo não é revolucionário e que os discursos sobre revolução socialista são ditos "da boca para fora".

"[Peço] Ao nosso povo que abra os olhos. Os revolucionários de verdade precisam se dar conta de que esses revolucionários não têm nada, é tudo da boca para fora", criticou o candidato, garantindo ter conquistado o apoio de ex-eleitores de Chávez.

Por sua vez, Maduro -- que atualmente é presidente interino --, assegurou que tem "informações confirmadas" de que Capriles "está de malas prontas para ir a Nova York e desistir de sua candidatura".

As campanhas eleitorais começaram ontem na Venezuela, sendo que as eleições estão marcadas para 14 de abril. O pleito foi convocado devido à morte de Hugo Chávez.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 03/04/2013 ás 21h

Compartilhe

Capriles e Maduro trocam provocações em campanha eleitoral venezuelana