Capriles dá ultimato a CNE para recontagem de votos na Venezuela

Fonte Ansa flash 25/04/2013 às 20h

O candidato derrotado quer que a recontagem comece nesta quinta-feira

CARACAS, 25 ABR (ANSA) – Derrotado nas eleições presidenciais venezuelanas, o opositor Henrique Capriles pediu que o Conselho Nacional Eleitoral (CNE) comece hoje o processo de auditoria dos votos, após acusar os governistas de terem "roubado" o pleito do dia 14 de abril.

“Não vamos aceitar uma auditoria incompleta ou imperfeita. Solicitamos ao CNE até hoje. Esperamos e não vamos esperar mais, os senhores assumiram um compromisso e eu também assumi um compromisso com os venezuelanos”, afirmou Capriles.

O candidato derrotado, que também é governador do estado de Miranda, argumentou que o CNE chegou a dizer que a auditoria “começaria nesta semana”.

“É a hora de cumprir, de ser sério, de honrar a palavra, de demonstrar quem tem a verdade”, disse ele.

Capriles disse que, se o CNE não der uma resposta hoje, ele e seus seguidores irão informar quais as medidas que a oposição tomará.

“Pedimos ao CNE que dê uma resposta hoje. Se não houver resposta, diremos ao país quais serão as ações legais, internacionais, que vamos tomar frente a esta situação”, advertiu.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 25/04/2013 ás 20h

Compartilhe

Capriles dá ultimato a CNE para recontagem de votos na Venezuela