Caixa e servidores não chegam a acordo para o fim da greve

Fonte Agência Brasil 19/11/2009 às 0h
Terminou sem acordo a audiência de conciliação do Sindicato dos Bancários do Distrito Federal e a direção da Caixa Econômica Federal (CEF) realizada hoje (21) no Supremo Tribunal do Trabalho (TST). Os servidores da Caixa estão em greve há 28 dias.

Segundo o diretor do sindicato, Romero Carvalho, a empresa continua intransigente em atender às reivindicações específicas dos bancários. “A Caixa preferiu transferir o capacidade de solucionar o conflito para o TST, ajuizando o dissídio, com o que não concordamos. Até então, estamos abertos à negociação em busca de uma solução para o impasse”.

Romero ressaltou que houve um pequeno avanço nas negociações, mas ainda insuficiente para o fim da paralisação. “Ela [a Caixa] decidiu aumentar o número de contratações de 3 mil para 5 mil e conceder um abono de R$ 700 a ser pago a todos os empregados até janeiro de 2010, o que ainda consideramos insuficiente”.

De acordo com o sindicato, o Comando Nacional de Greve dos bancários deve analisar as propostas apresentadas pela Caixa ainda hoje. Dessa avaliação sairá a recomendação às assembleias estaduais, que decidirão se aceitam ou não as propostas. Nova audiência de conciliação está prevista para a próxima sexta-feira (23).
Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Caixa e servidores não chegam a acordo para o fim da greve