Brasília sedia a 15ª edição do Festival Cena Contemporânea

Fonte Ministério da Cultura 19/08/2014 às 11h
A partir desta terça-feira (19) até o fim do mês, Brasília recebe o Festival Cena Contemporânea. O evento não se restringe apenas ao teatro, mas abrange todas as artes cênicas, corporais e musicais. Neste ano, os temas foram a identidade, o envelhecimento e a utopia, com uma presença muito forte de artistas jovens. O evento conta com apoio da Funarte, vinculada ao Ministério da Cultura.

O evento conta com 23 espetáculos de vários países, como Inglaterra, França, Escócia, Espanha e, também, grupos brasileiros. "Muitos grupos que vieram este ano estão refletindo sobre o que fazemos pelo outro e o que a gente faz conosco pensando no amanhã", conta Guilherme Reis, curador do festival.

Sobre o Festival

Com 19 anos de existência, o Cena Contemporânea firmou-se como um dos maiores festivais do País. Neste ano, traz grupos importantes da cena internacional como a Cia. Kamikaze, da Espanha, que traz o espetáculo "La Función por Hacer", uma produção britânica do grupo Vanishing Point, com "Tomorrow". Além do duo composto pelo francês Jérôme Bel e o tailandês Pichet Klunchun, um dos destaques da mostra.

O Cena Contemporânea oferece para artistas e estudantes oficinas e workshops com a companhia espanhola El Conde de Torrefiel, com o ator Cacá Carvalho, o dramaturgo Santiago Serrano, com Gabriel Chame e com a companhia espanhola Kamikaze.

Os ingressos podem ser adquiridos no Espaço Cena (CLN 205), no CCBB (SCES, TR. 2) e pela internet.

Programação

19/08 - Terça

21h: Conselho de Classe – Cia dos Atores (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

20/08 - Quarta

19h: Perdoa-me por me Traíres – Novos candangos (DF) – Teatro Goldoni

21h: Conselho de Classe – Cia dos Atores (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

21h: Pichet Klunchun and Myself – Jérôme Bel (França) e Pichet Klunchun (Tailândia) – CCBB – Teatro I

21/08 - Quinta

19h: Perdoa-me por me Traíres – Novos candangos (DF) – Teatro Goldoni

21h: Calango Deu! Os Causos de Dona Zaninha – Cia Caititu (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

21h: La Chica de la Agencia de Viajes nos Dijo que Había Piscina en el Apartamento – Cia El Conde de Torrefiel (Espanha) – Teatro SESC Garagem

21h: Pichet Klunchun and Myself – Jérôme Bel (França) e Pichet Klunchun (Tailândia) – CCBB – Teatro I

22/08 - Sexta

19h: Mundaréu – Dois Tempos Cia. de Teatro (DF) – CCBB – Teatro II

19h: Perdoa-me por me Traíres – Novos candangos (DF) – Teatro Goldoni

21h: Calango Deu! Os Causos de Dona Zaninha – Cia Caititu (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

21h: La Chica de la Agencia de Viajes nos Dijo que Había Piscina en el Apartamento – Cia El Conde de Torrefiel (Espanha) – Teatro SESC Garagem

23/08 - Sábado

19h: Mundaréu – Dois Tempos Cia. de Teatro (DF) – CCBB – Teatro II

21h: Cuarteto del Alba (Quarteto do Amanhecer) – Laurentzi Producciones S.L. (Espanha) – CCBB – Teatro I

21h: La Chica de la Agencia de Viajes nos Dijo que Había Piscina en el Apartamento – Cia El Conde de Torrefiel (Espanha) – Teatro SESC Garagem

24/08 - Domingo

17h: Carriola – Um Teatro do Riso na Rua - Celeiro das Antas (DF) – Praça do Museu Nacional da República

19h: Misanthrofreak – Grupo Desvio (DF) – Teatro Goldoni

19h: Mundaréu – Dois Tempos Cia. de Teatro (DF) – CCBB – Teatro II

21h: Elefante – Probástica Cia de Teatro (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

21h: Cuarteto del Alba (Quarteto do Amanhecer) – Laurentzi Producciones S.L. (Espanha) – CCBB – Teatro

21h: O Homem com a Flor na Boca – Cacá Carvalho (SP) – Teatro SESC Garagem

25/08 - Segunda

19h: Misanthrofreak – Grupo Desvio (DF) – Teatro Goldoni

21h: A Poltrona Escura – Cacá Carvalho (SP) – Teatro SESC Garagem

21h: Elefante – Probástica Cia de Teatro (RJ) – Teatro Funarte Plínio Marcos

26/08 - Terça

19h: Adaptação – Gabriel F./Teatro de Açúcar (DF) – CCBB – Teatro II

19h: Autópsia I – Grupo Sutil Ato (DF) – Teatro Dulcina

19h: Misanthrofreak – Grupo Desvio (DF) – Teatro Goldoni

21h: Autópsia II – Grupo Sutil Ato (DF) – Teatro Dulcina

21h: A Feia Lulu – Fause Haten (SP) – CCBB – Teatro I

21h: umnenhumcemmil – Cacá Carvalho (SP) – Teatro SESC Garagem

27/08 - Quarta

19h: Adaptação – Gabriel F./Teatro de Açúcar (DF) – CCBB – Teatro II

19h: Autópsia I – Grupo Sutil Ato (DF) – Teatro Dulcina

21h: Autópsia II – Grupo Sutil Ato (DF) – Teatro Dulcina

21h: A Feia Lulu – Fause Haten (SP) – CCBB – Teatro I

28/08 - Quinta

19h: Adaptação – Gabriel F./Teatro de Açúcar (DF) – CCBB – Teatro II

19h: Noctiluzes – Cia Plágio de Teatro (DF) – Teatro Goldoni

19h30: Hipóteses para Shakespeare a Céu Aberto - BR S.A. – Coletivo de Artistas (DF) – Funarte

21h: Tomorrow – Vanishing Point Theatre Company (Escócia) – Teatro Funarte Plínio Marcos

29/08 - Sexta

19h: Noctiluzes – Cia Plágio de Teatro (DF) – Teatro Goldoni

21h: Othelo – Gabriel Chamé Buendía (Argentina) – CCBB – Teatro I

21h: Tomorrow – Vanishing Point Theatre Company (Escócia) – Teatro Funarte Plínio Marcos

30/08 - Sábado

17h: Fios de Histórias – Mariza Vargas e Miriam Virna (DF) – CCBB – Teatro II

16h: Tomorrow – Vanishing Point Theatre Company (Escócia) – Teatro Funarte Plínio Marcos

18h - A Bicicleta do Poeta – Emmanuel Marinho (MS) – CCBB – Área Externa

19h: Noctiluzes – Cia Plágio de Teatro (DF) – Teatro Goldoni

20h: A Bicicleta do Poeta – Emmanuel Marinho (MS) – CCBB – Área Externa

21h: La Función por Hacer – Kamikaze Producciones (Espanha) – Teatro SESC Garagem

21h: Othelo – Gabriel Chamé Buendía (Argentina) – CCBB – Teatro I

31/08 - Domingo

17h: Fios de Histórias – Mariza Vargas e Miriam Virna (DF) – CCBB – Teatro II

17h30: A Bicicleta do Poeta – Emmanuel Marinho (MS) – Praça do Museu Nacional da República

18h30: Hipóteses para Shakespeare a Céu Aberto - BR S.A. – Coletivo de Artistas (DF) – Praça do Museu Nacional da República

20h: La Función por Hacer – Kamikaze Producciones (Espanha) – Teatro SESC Garagem

20h: Othelo – Gabriel Chamé Buendía (Argentina) – CCBB – Teatro I



Ministério da Cultura
Fonte Ministério da Cultura 19/08/2014 ás 11h

Compartilhe

Brasília sedia a 15ª edição do Festival Cena Contemporânea