Brasil perde para a Lituânia em amistoso de basquete

Fonte Brasil 2016 22/08/2014 às 14h
A seleção brasileira de basquete mostrou dois lados completamente diferentes no amistoso contra a Lituânia, nesta quinta-feira (21). Depois de uma exibição fantástica no primeiro tempo, a equipe do técnico Rubén Magnano não manteve o ritmo na segunda etapa e acabou derrotada de virada por 64 x 61 pelo Torneio Internacional da Eslovênia.

Nesta sexta-feira (22), o Brasil volta à quadra pelo torneio para enfrentar a seleção da casa, a Eslovênia. A partida será às 15h05 (horário de Brasília), com transmissão do canal SporTV. No sábado (23), o time encerra sua participação contra o Irã, às 12h15.

O jogo

Os brasileiros dominaram os europeus nos primeiros 20 minutos de partida, com uma defesa sufocante e um ataque bem distribuído. O pivô Rafael Hettsheimeir saiu do banco e foi o cestinha do jogo com 14 pontos. Nenê anotou 13 e Tiago Splitter 11. Mas o bom desempenho dos jogadores de garrafão não foi o suficiente para assegurar a vitória sobre os lituanos.

“Começamos muito bem contra uma seleção que é top na Europa. Fizemos uma boa marcação no primeiro tempo e realizamos nosso jogo ofensivo. Mas na etapa final acabamos errando muito e perdemos nos detalhes. Agora ainda está em tempo de fazer as correções necessárias para fazer uma boa Copa do Mundo, que é nosso principal foco”, analisou Hettsheimeir ao site da Confederação Brasileira de Basquete (CBB).

Primeiro tempo

O Brasil mudou em relação ao amistoso contra os Estados Unidos. O ala Marquinhos deu lugar a Leandrinho entre os titulares. Os primeiros 10 minutos de jogo foram extremamente truncados, com muitas faltas marcadas para ambos os lados. Consistente na defesa, o Brasil aproveitou bem os seus pivôs no quarto inicial, especialmente Nenê, para abrir uma vantagem de 22 x 18 no placar.

O técnico Rubén Magnano mudou o time para o segundo quarto, com Raulzinho e Rafael Hettsheimeir saindo do banco. Os cinco primeiros minutos do período foram exuberantes. Com uma defesa encaixada e colocando pressão nos lituanos, os brasileiros chegaram a abrir 10 x 0 no placar. Rafael Hettsheimeir mais uma vez mostrou boa pontaria nos arremessos, convertendo três bolas de três pontos de forma consecutiva.

Segurando os europeus na defesa e rodando bem a bola no ataque, o Brasil foi para o intervalo com uma grande vantagem em cima de um rival de altíssimo nível: 38 x 25.

Segundo tempo

Após o primeiro tempo, Hettsheimeir voltou de titular, com Nenê no banco. Mas o Brasil passou longe de repetir a grande atuação. A intensidade defensiva diminuiu drasticamente e a Lituânia passou a explorar as falhas na rotação para pontuar com os pivôs perto da cesta e os alas do perímetro. Ao fim do terceiro quarto, a vantagem caiu para apenas seis pontos: 52 x 46.

O último quarto foi pior ainda. Embora as duas equipes tenham errado demais no ataque, o setor ofensivo brasileiro foi praticamente nulo. Os desperdícios de bola aumentaram, o armador Marcelinho Huertas não foi bem e a seleção anotou apenas nove pontos no período. Os lituanos aproveitaram o momento, viram o Brasil errar mais lances livres e tomaram a frente do placar nos minutos finais. A equipe de Rubén Magnano não teve poder de reação, cometeu mais alguns erros e viu a vitória escapar. No fim, 64 x 61 para os ainda invictos europeus.
Brasil 2016
Fonte Brasil 2016 22/08/2014 ás 14h

Compartilhe

Brasil perde para a Lituânia em amistoso de basquete