Bolívia entra com ação contra Chile no Tribunal de Haia por saída ao mar

Fonte Ansa flash 24/04/2013 às 21h

O documento entregue pela Bolívia destaca que a reivindicação “não é um gesto de inimizade contra o Chile, nem contra seu povo"

LA PAZ E SANTIAGO DO CHILE, 24 ABR (ANSA) - A Bolívia entrou com uma ação nesta quarta-feira no Tribunal Internacional de Justiça, em Haia, para pedir ao Chile uma saída ao Oceano Pacífico.

A histórica reivindicação boliviana foi apresentada ao tribunal pelo ministro das Relações Exteriores do país, David Choquehuanca, e pelo ex-presidente e advogado Eduardo Rodríguez Veltzé.

O documento entregue pela Bolívia destaca que a reivindicação “não é um gesto de inimizade contra o Chile, nem contra seu povo”, mas sim, uma tentativa de “encontrar uma solução definitiva para um problema centenário que é de interesse hemisférico”.

“A Bolívia acode a esta via após esgotar todos os meios de diálogo devido aos constantes atrasos do governo chileno em relação à justa reclamação do direito boliviano de retornar ao mar de maneira soberana”, diz o texto.

O governo chileno, por sua vez, “lamentou profundamente” que a Bolívia tenha iniciado a ação, a qual qualificou como “carente de fundamentos”.

A Bolívia perdeu sua saída para o mar durante a Guerra do Pacífico (1879-1883), na qual territórios peruanos também passaram a ser controlados pelos chilenos.

No entanto, o Chile afirma que as configurações territoriais foram definidas e aceitas pela Bolívia na assinatura do Tratado de Paz e Amizade, em 1904, fechado após o conflito entre as duas nações.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 24/04/2013 ás 21h

Compartilhe

Bolívia entra com ação contra Chile no Tribunal de Haia por saída ao mar