Berlusconi comemora participação de empresa italiana em construção no Panamá

Fonte Ansa Flash 19/11/2009 às 0h
O premier italiano, Silvio Berlusconi, e o presidente do Panamá, Ricardo Martinelli, se reuniram hoje na sede do governo italiano, em Roma, para discutir temas biliterais, como a presença de empresas italianas no país centro-americano.

De acordo com uma nota divulgada pelo governo italiano, Berlusconi comentou com satisfação a presença da empreiteira italiana Impregilo no consórcio de empresas que construirá o lote mais importante da ampliação do Canal do Panamá.

Em julho passado, a companhia italiana ganhou a licitação para a ampliação do canal e para a construção de um sistema de eclusas. As obras custarão US$ 3,2 bilhões. O contrato prevê o alargamento da via navegável do canal e se concluirá em 2014.

Berlusconi também discutiu com Martinelli os crescentes investimentos da empresa de energia elétrica italiana, Enel, no Panamá.

Ontem, em seu segundo dia na Itália, Martinelli anunciou que em junho de 2010 o consórcio italiano Astaldi-Impregilo-Ghella participará da licitação para a construção de uma linha de metrô na Cidade do Panamá.

Martinelli chegou a Roma na última quarta-feira, em sua primeira visita oficial à Europa. Acompanham o governante cerca de 60 pessoas, entre funcionários do governo e empresários.

Antes do encontro com o premier italiano, o mandatário centro-americano foi recebido pelo papa Bento XVI, a quem convidou a fazer uma visita ao Panamá.
Ansa Flash
Fonte Ansa Flash 19/11/2009 ás 0h

Compartilhe

Berlusconi comemora participação de empresa italiana em construção no Panamá