BCU Brasil patrocina equipe IGT

Fonte Marsi Comunicação 30/03/2013 às 9h


A primeira equipe de automobilismo formada por deficientes possui 6 pilotos e agora conta com a parceria do BCU Brasil para incentivar o esporte


O Banco de Cordão Umbilical (BCU Brasil) teve a iniciativa de incentivar pessoas com deficiência física para voltar a praticar esporte. No dia 17 de março de 2013, o BCU Brasil esteve presente no Autódromo de Interlagos para firmar o patrocínio com a equipe que concorre na categoria marcas e pilotos IGM.

 

Esta equipe é composta por seis pilotos que ficaram paraplégicos devido a acidentes que sofreram durante as próprias competições. Destes seis pilotos, dois deles realizaram tratamentos com células-tronco e tiveram resultados surpreendentes. Hoje, o piloto Paulo Polido é capaz de andar apenas com o apoio da bengala, sem precisar do auxílio da cadeira de rodas.

 

A Dra. Adriana Homem, médica responsável pelo BCU Brasil explica a importância desta parceria e também dos estudos que vêm sendo feitos ao longo dos anos com a ajuda dos profissionais do próprio BCU. “Decidimos patrocinar e ajudar estes pilotos para mostrar aos deficientes físicos que é possível fazer o que gosta mesmo com algumas limitações, sempre é possível ter esperança e acreditar nas pesquisas científicas, que já fizeram descobertas incríveis sobre o uso das células-tronco. Nós do BCU, também estamos envolvidos com diversas pesquisas relacionadas às células-tronco e todas elas vêm apresentando resultados satisfatórios”, afirma Adriana.

 

Com certeza é uma vitória tanto para o piloto como para a medicina que vem descobrindo cada vez mais formas de trabalhar com as células-tronco e ajudar na cura de doenças que possuem um tratamento extremamente difícil.


Sobre o BCU Brasil - Desde 2009 no Brasil, o Banco de Cordão Umbilical (BCU) é o maior da América e um dos maiores do mundo. Possui mais de 40 escritórios espalhados em todas as regiões do país. O BCU atualmente tem mais de 35 mil amostras de células-tronco armazenadas. Isso é possível porque a empresa conta com equipamentos tecnológicos de última geração e uma equipe formada por profissionais com mais de 11 anos de experiência em criogenia. Mais informações no site www.bcubrasil.com.br
Médica responsável técnica: Dra. Adriana Homem CRM-SP: 95224





Marsi Comunicação
Fonte Marsi Comunicação 30/03/2013 ás 9h

Compartilhe

BCU Brasil patrocina equipe IGT