Bayer Brasil atinge novamente resultado recorde em 2012

Fonte JeffreyGroup 06/04/2013 às 13h

Com crescimento de 26% em suas vendas, faturamento do Grupo no ano passado chegou a R$ 5,7 bilhões no País. Empresa anuncia investimentos de R$ 152 milhões, visando crescimento em 2013

São Paulo, 05 de abril de 2013 – A Bayer, multinacional alemã presente há 117 anos no Brasil, novamente registrou em 2012 um recorde de vendas no País. Somadas as atividades de suas três divisões de negócios no Brasil – CropScience (Ciências Agrícolas), HealthCare (Cuidados com a Saúde) e MaterialScience (Materiais Inovadores) – as vendas do Grupo no País alcançaram R$ 5,7 bilhões, crescimento de 26% em relação ao ano anterior.

A Bayer investirá R$ 152 milhões em suas operações no País neste ano. O Brasil é o 5º maior mercado para a empresa mundialmente e o número um na América Latina. A Bayer possui cerca de 4.500 colaboradores no País, um crescimento de 10% em relação ao ano passado. Em 2013, o Grupo Bayer completa 150 anos de atuação no mundo.

“O Brasil representa um mercado importante para o Grupo Bayer no mundo, devido a sua economia estável e visão positiva de futuro. Os resultados da unidade brasileira consolidam a posição estratégica do País para os negócios da empresa. É um mercado que demonstra ter fôlego, apesar do cenário muito competitivo. A expectativa é de que esse potencial se traduza em novo crescimento neste ano”, declara Theo van der Loo, presidente do Grupo Bayer no Brasil.

“Temos investido na reforma de instalações e prédios, no Clube Bayer, na implementação de novos benefícios, além do investimento de R$ 5 milhões para construção de uma ponte móvel, que ligará o site Socorro, onde estamos instalados, à estação de trem em Santo Amaro. Este projeto contribuirá para reduzir a emissão de 300 toneladas de gás carbônico por ano, além da melhoria do trânsito na região”, conclui Theo van der Loo.

Os resultados brasileiros foram superiores à taxa de crescimento do Grupo Bayer no mundo. Em 2012, o Grupo somou vendas de 39,760 bilhões de euros, um aumento de 8,8% em comparação com os dados de 2011. Ajustadas aos efeitos cambiais e da carteira, as vendas cresceram cerca de 5,3%. “As vendas globais alcançaram o maior nível em nossa companhia em 150 anos de história”, afirma o CEO da Bayer, Dr. Marijn Dekkers.

Particularmente, 2012 representou um ano bem sucedido na divisão CropScience, que aumentou suas vendas globais em cerca de 15,5% (ajustado por câmbio e carteira 12,4%), para 8,4 bilhões de euros no mundo. O crescimento se deu, em grande parte, aos bons negócios com soluções inovadoras da unidade de Proteção de Cultivos e uma rápida expansão de vendas da unidade de Sementes. A área de Saúde Ambiental também se desenvolveu de forma favorável durante o ano de 2012. O realinhamento das atividades de comercialização e distribuição com foco nas necessidades dos clientes contribuiu para o desempenho bem sucedido da CropScience. Entre os destaques globais de produtos, FOX®, fungicida lançado em 2011 para as cultura de soja, algodão, feijão e trigo, continuou fortalecendo o portfólio do segmento, e o inseticida Belt®, para manejo e controle do complexo de lagartas.

A Bayer CropScience Brasil registrou crescimento de 38% em suas vendas, se comparado ao ano de 2011, atingindo o faturamento de R$ 3,1 bilhões em 2012. A unidade representou 56% do volume de negócios do Grupo Bayer no País e entre os destaques da unidade em 2012 está o lançamento de FOX® para a cultura da soja na região Sul do Brasil e para as culturas de feijão e algodão. A unidade de Sementes trouxe ao mercado de algodão duas variedades de sementes sob a marca FiberMax®: a FM 951LL e a FM 975WS*. Outro destaque relevante da Bayer CropScience Brasil no ano passado foi a inauguração dos laboratórios de Segurança Alimentar e de Seeds, na sede do Grupo Bayer em São Paulo.

As vendas da divisão HealthCare no mundo aumentaram 8,4% em 2012 (ajustado por câmbio e carteira 4,2%), para 18,6 bilhões de euros (2011: 17,169 bilhões). Tanto os Produtos Farmacêuticos quanto os Produtos para Saúde de Consumo Direto contribuíram para esse aumento.

Os negócios no segmento de Produtos Farmacêuticos cresceram 4,2% (ajustados por câmbio e carteira) para 10,803 bilhões de euros. Entre os principais produtos do segmento, o anticoagulante Xarelto® apresentou de longe a maior taxa de crescimento (ajustado por câmbio, aumento de 265,9%) após a sua introdução em mais países e as indicações médicas.

* WideStrikeTM é uma tecnologia Dow AgroSciences’s e sublicenciada à Bayer S/A

As vendas de Aspirina®Prevent, para prevenir ataques cardíacos, subiram 12,3% (ajustado por câmbio), graças em grande parte à contínua expansão das atividades na China. Os negócios com o dispositivo intrauterino Mirena® (ajustado por câmbio, aumento de 9,4%) se desenvolveram de forma positiva em todas as regiões, especialmente nos Estados Unidos, devido aos maiores volumes. O medicamento para esclerose múltipla Betaferon® (ajustado por câmbio, aumento de 4,2%) obteve também uma boa performance.

As vendas da Consumer Care (produtos sem prescrição médica) avançaram 4,2% (ajustado por câmbio e carteira) para 7,809 bilhões de euros, com todas as regiões e divisões contribuindo para esse crescimento. A divisão apresentou um desempenho particularmente positivo, alcançando um crescimento das vendas acima da média do mercado. A linha de produtos para pele Bepantol® se desenvolveu com sucesso, especialmente na Rússia e no Brasil, avançando 13,9% (ajustado por câmbio). As vendas da linha de monitores de glicemia Contour® cresceram 8,5% (ajustado por câmbio). Porém, as vendas da divisão de meios de contraste e equipamentos médicos foram similares ao ano anterior.

A divisão de Saúde Animal se beneficiou com o desenvolvimento positivo da linha Advantage® de produtos de controle de pulgas, carrapatos e vermes (ajustado por câmbio, aumento de 10,6%).

No Brasil, as vendas da Bayer HealthCare corresponderam a 29% do total – atingiram R$ 1,6 bilhão, com crescimento de 11%, incluindo exportações. A Bayer é líder no segmento de Saúde Feminina e sua fábrica, localizada em São Paulo, é a segunda maior unidade produtiva de hormônios sólidos (pílulas e comprimidos) do Grupo no mundo. Em 2012, produziu cerca de 2,3 bilhões de pílulas, o equivalente a 119 milhões de blísteres. Além de abastecer o mercado brasileiro, a Bayer exportou seus produtos para 26 países da América Latina e Ásia.

A Bayer Brasil ampliou sua linha na área de Saúde Feminina com o lançamento de Allurene®, uma nova terapia oral para o uso exclusivo de pacientes com endometriose, oferecendo um tratamento sob medida para a dor causada pela doença. Pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Endometriose e Ginecologia Minimamente Invasiva (SBE), em parceria com a Bayer, revelou que 88% das mulheres no País desconhecem uma opção de tratamento para o problema. Primeira pílula com estrogênio natural do mercado, Qlaira® obteve um excelente desempenho de vendas, contribuindo para o resultado na divisão.

O Brasil é um dos quatro centros de Farmacovigilância do gupo Bayer no mundo, composto por 150 profissionais brasileiros responsáveis por mais de 50% do fluxo de trabalho global.

Em 2012, a divisão Pharmaceuticals lançou com sucesso a nova indicação do anticoagulante Xarelto® no País para prevenção de acidente vascular cerebral (AVC) e embolia sistêmica em pacientes com fibrilação atrial. Xarelto® já é comercializado também para prevenção do tromboembolismo venoso (TEV) em pacientes adultos após cirurgia eletiva de substituição do quadril ou do joelho. Xarelto® é aprovado em mais de 110 países em todo o mundo. Além disso, a área de Cardiologia foi ampliada com a comercialização de novos produtos para hipertensão e colesterol e contratação de novos profissionais. A EMA (agência regulatória europeia) divulgou opinião positiva sobre a nova indicação de Xarelto® para a prevenção de eventos trombóticos em pacientes adultos depois da Síndrome Coronariana Aguda.

A área de Medicina Especializada apresentou resultados bastante positivos, especialmente com Nexavar®, indicado para tratamento de câncer de rim e fígado, com um crescimento de dois dígitos. Em 2013, a companhia lançou no Brasil o Eylia®, para tratamento de degeneração macular úmida relacionada à idade avançada, em pessoas acima de 65 anos.

A Consumer Care apresentou um crescimento das vendas de dois dígitos no Brasil. A linha de produtos Bepantol® se desenvolveu com sucesso, com lançamentos como o Bepantol® Derma, nas versões Creme e Solução, e obteve uma excelente performance em vendas no País.

No ano passado, houve a integração dos produtos da Medrad (empresa do Grupo) ao portfólio da Bayer e a criação de uma nova área denominada Radiologia & Intervenção, que disponibiliza ao mercado soluções e equipamentos inovadores para ressonância magnética e meios de contraste.

A área de Saúde Animal ampliou seu portfólio com o lançamento da linha Spatas®, para banho e pós-banho de cães e gatos. Novos produtos serão lançados em uma segunda fase, com condicionadores e finalizadores.

A divisão Bayer MaterialScience também contribuiu para o excelente desempenho no ano todo. As vendas mundiais da divisão de materiais de alta tecnologia subiram 6,2% (ajustado por câmbio e carteira 3%) para 11,503 bilhões de euros no mundo (2011: 10,832 bilhões de euros). Os negócios com matérias primas para espumas (Poliuretanos) cresceram 7,9% (ajustado por câmbio e carteira). O que contribuiu para esse aumento foram os volumes e preços superiores em todos os grupos de produtos e regiões.

No País, a Bayer MaterialScience registrou um aumento nas vendas de 24% em relação a 2011, totalizando R$ 802 milhões. O resultado é atribuído principalmente ao aquecimento da economia brasileira e ao aumento na aquisição de bens duráveis pelos brasileiros, nos quais a Bayer tem forte atuação no fornecimento de matérias-primas inovadoras. Os setores que mais contribuíram foram o automobilístico, de construção civil, eletroeletrônicos e mobiliário. Para gerar um volume cada vez maior de negócios e agregar valor aos seus clientes, a Bayer adota como estratégia atender às demandas específicas do mercado, pesquisando e adaptando seus produtos e matérias-primas à medida que o mercado se transforma e busca por novas soluções. A divisão MaterialScience representou 14% do total de vendas do Grupo Bayer no Brasil em 2012.

Além das unidades fabris nos sites Cancioneiro e Socorro, em São Paulo, a Bayer Brasil possui um parque industrial em Belford Roxo, no Rio de Janeiro, responsável pela fabricação de produtos para Saúde Animal, CropScience e MaterialScience.

O Grupo Bayer acredita que a inovação é a chave para manter o ritmo de crescimento. Por isso, investe em Pesquisa & Desenvolvimento (P&D). Em 2012, um total de 3 bilhões de euros foi destinado à pesquisa, o equivalente a 7,6% das vendas registradas no mesmo ano. Para isso, emprega 12.900 colaboradores focados na busca por novas soluções. A Bayer HealthCare foi responsável por 65% do valor investido em pesquisa: são 22 estudos Fase II e III em andamento, envolvendo cerca de 7.500 profissionais focados nesta área.

Alto investimento no Brasil em 2013 – Em 2012 a Bayer investiu R$ 125 milhões no País. Neste valor está incluída a remodelação do prédio que agora acolhe a área de Farmacovigilância no site Socorro, em São Paulo. Em 2012, a Bayer também investiu na qualidade do ambiente de trabalho dos colaboradores com a reforma do restaurante do site Socorro, de prédios, laboratórios, entre outros.

A previsão de investimentos para 2013 é de R$ 152 milhões. Este valor será destinado, principalmente, à construção de novos laboratórios, no desenvolvimento do EcoCommercial Building, programa que prevê a construção de edifícios com emissão zero de carbono, e na construção, já iniciada, da ponte móvel para pedestres e ciclistas sobre o canal Guarapiranga, que ligará o bairro Socorro à estação de trem de Santo Amaro da CPTM. A expectativa é que ela beneficie 15 mil moradores e trabalhadores da região. A construção da ponte móvel, um investimento de R$ 5 milhões, totalmente pago pela Bayer, reduzirá a emissão de 300 toneladas de gás carbônico na atmosfera por ano. Em 2012, a Bayer Brasil foi eleita uma das Melhores Empresas para Trabalhar pela Revista VOCÊ S.A.

Bayer: Se é Bayer, é bom (Science For a Better Life)

A Bayer é uma empresa global com competências nas áreas da saúde, ciências agrícolas e materiais inovadores. Os produtos e serviços da empresa são projetados para beneficiar a população e melhorar sua qualidade de vida. Ao mesmo tempo, a Bayer agrega valor pela inovação, crescimento e uma elevada rentabilidade. O Grupo é comprometido com os princípios de desenvolvimento sustentável e com o seu papel de empresa cidadã ética e socialmente responsável. Economia, ecologia e responsabilidade social compõem os objetivos da política corporativa e são igualmente importantes para a empresa. No ano fiscal de 2012, a Bayer empregou 110.500 colaboradores e registrou vendas de 39,760 bilhões de euros. Os investimentos em Pesquisa e Desenvolvimento somaram 3 bilhões de euros. Para mais informações acesse www.bayer.com.br.

Declarações antecipadas quanto ao futuro

Este press release pode conter declarações quanto ao futuro baseadas em suposições e previsões atuais feitas pela administração do Grupo Bayer ou divisões de negócios. Diversos riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores podem causar diferenças relevantes entre os reais resultados futuros, situação financeira, desenvolvimento ou desempenho da Empresa e as estimativas aqui fornecidas. Tais fatores incluem aqueles discutidos nos relatórios públicos da Bayer disponibilizados em seu website www.bayer.com. A Empresa não assume responsabilidade alguma pela atualização de tais declarações antecipadas quanto ao futuro nem sua adaptação a eventos ou desenvolvimentos futuros.

JeffreyGroup
Fonte JeffreyGroup 06/04/2013 ás 13h

Compartilhe

Bayer Brasil atinge novamente resultado recorde em 2012