Autoridades mexicanas detém quarto militar nesta semana

Fonte Ansa flash 19/05/2012 às 21h
O tenente-coronel mexicano Silvio Isidro Hernández foi detido por manter vínculos com o narcotráfico, sendo que outros três generais -- entre eles um oficial que ocupou o posto de número dois do Exército por dois anos -- foram presos esta semana no país pelo mesmo motivo.

O Ministério de Defesa Nacional e a Procuradoria Geral do México informaram que esta era a última das ordens de "localização" e "intimação" contra militares. Os demais oficiais, Tomás Angeles, Roberto Dawe e Ricardo Escorcia, se encontram em regime de prisão domiciliar.

O oficial foi preso no âmbito de uma investigação que encontrou ligações entre altos funcionários do Exército e o cartel dos irmãos Beltrán Leyva.

Hernández, apesar de ter se aposentado em 2002, trabalhou como inspetor-geral da Polícia Federal em 2008 e diretor-geral da Agência Veracruzana de Investigação em 2011.
Ansa flash
Fonte Ansa flash 19/05/2012 ás 21h

Compartilhe

Autoridades mexicanas detém quarto militar nesta semana