Autoridades celebram participação do Brasil na exposição Universal de Milão

Fonte Ansa flash 17/03/2013 às 22h

Segundo Mario Monti, "a confirmação brasileira acrescenta um grande protagonista da comunidade internacional" ao evento

ROMA, 17 MAR (ANSA) - O primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, disse estar "muito satisfeito" com a adesão do Brasil à Exposição Universal, que será realizada em Milão em 2015. O evento vai debater questões relacionadas à alimentação global.

Segundo o premiê, "a confirmação brasileira acrescenta um grande protagonista da comunidade internacional [ao evento]" e, como país sede, a Itália se alegra. Monti ainda agradeceu à presidente Dilma Rousseff pela "importante decisão" que pode "reviver a antiga e profunda amizade entre a Itália e o Brasil".

"O tema da Expo 2015, 'Nutrir o planeta, Energia pela Vida' coloca no centro das atenções internacionais a questão mais relevante de nosso tempo: como garantir acesso adequado e seguro de uma população cada vez mais numerosa e exigente aos recursos alimentares ?", destacou Mario Monti.

Um dos responsáveis por esta edição do evento, Giuseppe Sala, disse estar muito feliz pela adesão brasileira. "Esperávamos esta confirmação faz tempo. A partir de hoje, a Exposição Universal de Milão pode contar com o empenho, a colaboração e a iniciativa de todos os países do BRIC [bloco formado por Brasil, Rússia, Índia e China]".

"Neste contexto, o Brasil é para nós um país estratégico. Além de ser um dos principais representantes da cultura e da rica tradição agro-alimentar da América Latina, será de grande ajuda e suporte no desenvolvimento dos percursos temáticos que desenhamos no local de exposição", acrescentou Sala.

O prefeito de Milão, Giuliano Pisapia, por sua vez, saudou "com particular satisfação" a confirmação brasileira, pois a define "um importante marco no sucesso" da mostra. "O anúncio da adesão foi feito após a eleição do primeiro Papa da América do Sul. Nos próximos anos, a América Latina vai desempenhar um importante papel no mundo", afirmou.
Ainda segundo ele, um país como o Brasil -- "gigante das matérias-primas agrícolas" -- é protagonista de um crescimento baseado em inovação tecnológica, que conseguiu reduzir seus níveis de pobreza. "Por isso tudo, estou certo que o Brasil será um dos grandes protagonistas da Expo Milão", concluiu.

Ansa flash
Fonte Ansa flash 17/03/2013 ás 22h

Compartilhe

Autoridades celebram participação do Brasil na exposição Universal de Milão