Ashton questiona fim de embargo de armas na Síria

Fonte Ansa flash 17/03/2013 às 10h

Para ela, a questão deve ser discutida com o enviado da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Liga Árabe, Lakhdar Brahimi

BRUXELAS, 16 MAR (ANSA) - A alta representante para a Política Exterior da União Europeia (UE), Catherine Ashton, defendeu hoje que a decisão de por fim ao embargo de armas na Síria requer uma análise profunda de suas consequências.

Para ela, o tema deve ser discutido com o enviado da Organização das Nações Unidas (ONU) e da Liga Árabe, Lakhdar Brahimi, para "termos certeza de que o que estamos fazendo não se transforme em algo mais grave".

Com novas armas no país, "isso deteria as chacinas ou as pessoas seriam assassinadas de forma mais rápida ?", questionou a funcionária da UE.

Ela ainda destacou que "a vontade que todos temos é de deter estas mortes [no país] e ver a chegada de um governo que seja representativo e respeitoso. A questão é como fazer isso".

Ansa flash
Fonte Ansa flash 17/03/2013 ás 10h

Compartilhe

Ashton questiona fim de embargo de armas na Síria