Apenas 36% das gestantes paulistas tomaram vacina contra a gripe

Fonte Agência Brasil 18/05/2012 às 14h
Apenas 36% das mulheres grávidas do estado de São Paulo procuraram os postos de saúde para receber a vacina contra a gripe. Elas fazem parte do público-alvo da campanha nacional de vacinação. Segundo balanço divulgado na manhã de hoje (18) pela Secretaria de Estado da Saúde, foram imunizados até o momento mais de 2,7 milhões de paulistas. A campanha, que começou no último dia 5, termina na próxima sexta-feira (25).

Também estão entre os considerados mais suscetíveis à doença, os idosos, dos quais 41,2% já foram vacinados, e crianças com idades entre seis meses e dois anos. De acordo com a secretaria, 47,5% das crianças já receberam a primeira das duas doses necessárias para a faixa etária. Trabalhadores da área da saúde, indígenas e população carcerária também fazem parte do público-alvo.

Até o fim da mobilização, a secretaria pretende vacinar 5,3 milhões de paulistas. O número correspondente à meta de 80% dos 6,6 milhões de pessoas que compõem os grupos que a campanha pretende atingir. Para atender a população, estão disponíveis mais de 7 mil postos de vacinação fixos e volantes, 3,5 mil veículos, 32 ônibus, cinco barcos e 41,6 mil profissionais da área da saúde.

Além de imunizar a população contra a influenza A (H1N1) - gripe suína, a campanha irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus Influenza: A H3N2 e B.

A diretora de Imunização da secretaria, Helena Sato, lembra que a vacina não oferece riscos. “A vacina não provoca, de maneira nenhuma, gripe em quem tomar a dose, pois é feita de pequenos fragmentos do vírus que são incapazes de causar qualquer infecção. A imunização contra a gripe é fundamental para evitar complicações respiratórias decorrentes da doença, a exemplo de pneumonias”.

Na cidade de São Paulo, além de todos os postos de saúde que funcionam de segunda a sexta-feira, duas salas de vacina, nas rodoviárias do Tietê e da Barra Funda, abrem aos sábados e domingos, das 8h às 20h, até o fim da campanha.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 18/05/2012 ás 14h

Compartilhe

Apenas 36% das gestantes paulistas tomaram vacina contra a gripe