ANP interdita seis postos em São Paulo em operação de fiscalização de combustível

Fonte Agência Brasil 17/05/2013 às 18h

Rio de Janeiro - Na maior operação feita este ano, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) interditou seis postos de gasolina no estado de São Paulo por problemas na qualidade do combustível comercializado. A operação, que feita ao longo desta semana, foi motivada pelas 1.566 denúncias de suspeita de adulteração de combustíveis no estado, das quais 764 na capital. Foram fiscalizados 452 postos revendedores na capital paulista e em 24 municípios da região metropolitana.

Apesar das interdições, o índice de não conformidade (adulteração) no estado no último trimestre foi apenas 1% para a gasolina, 0,9% para o etanol, e 2,9% para óleo diesel. “Índices abaixo da média no Brasil, que é 1,6%, 2% e 3,2%, respectivamente, para esses combustíveis”, informou a ANP.

Na operação foram coletadas 1.356 amostras de gasolina, etanol hidratado e óleo diesel, que ainda estão sendo analisadas pelo Instituto de Pesquisa Tecnológica de São Paulo (IPT-USP). Foi o maior número de amostras enviadas ao laboratório em uma única ação de fiscalização feita pela agência.

Segundo a ANP, nos seis postos interditados, o teor de etanol na gasolina estava acima dos 25% permitidos. As bombas e os tanques com o combustível fora das especificações foram lacrados e só poderão ser desinterditados após a agência comprovar que a gasolina de má qualidade for trocada por uma dentro dos padrões exigidos pela ANP.

Foram interditados dois postos na capital, um em Santo André, um em Osasco, um em Carapicuíba e um em Diadema. Além da interdição cautelar para proteger o consumidor, a ANP abriu processos administrativos que, posteriormente, serão enviados ao Ministério Público Estadual para apuração de crime contra o consumidor. Pelas infrações apuradas pela ANP, os postos estarão sujeitos a multas de R$ 20 mil a R$ 5 milhões.

A operação em São Paulo mobilizou 30 equipes de fiscalização, que atuaram por regiões da cidade, cobrindo aproximadamente 20% dos postos da área. O número de autuações por qualidade pode aumentar após as análises de laboratório.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 17/05/2013 ás 18h

Compartilhe

ANP interdita seis postos em São Paulo em operação de fiscalização de combustível