Aids cresce 26% entre idosos de São Paulo

Fonte Agência Brasil 13/05/2013 às 21h

São Paulo – A notificação de novos casos de aids cresceu na última década entre os idosos do estado de São Paulo. Um levantamento feito pela Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo e divulgado hoje (13) mostrou que a incidência de aids entre a população idosa de São Paulo cresceu 26% nos últimos dez anos. Entre os jovens, no entanto, a notificação de novos casos de aids caiu 35% no mesmo período.

Segundo o levantamento, 253 novos casos de aids em pessoas acima de 60 anos foram registrados em 2001. Dez anos depois (em 2011), o número chegou a 318 casos. Em pessoas com idade entre 15 e 39 anos foram registrados 6.669 novos casos de aids em 2001, contra 4.338 em 2011.

Para a médica Carmen Silvia Bruniera Domingues, do Centro de Referência e Treinamento (CRT) DST/Aids, mudanças comportamentais podem ajudar a explicar o crescimento da doença entre os idosos, tal como o aumento das atividades sexuais em faixas etárias mais elevadas. Segundo ela, os idosos heterossexuais são as pessoas da terceira idade mais expostas ao vírus.

Agência Brasil
Fonte Agência Brasil 13/05/2013 ás 21h

Compartilhe

Aids cresce 26% entre idosos de São Paulo