Água doce em nova etapa

Fonte Ascom - MMA 10/05/2013 às 11h

Documento orienta instalação de dessalinizadores no Semiárido
Documento com todas as informações sobre os procedimentos para a instalação do sistema de dessalinização nas áreas rurais foi distribuído nesta quinta-feira (09/05), ao final de dois dias da reunião semestral dos coordenadores estaduais e técnicos do Programa Água Doce (PAD), realizada em Brasília. “Esses encontros são fundamentais para que possamos seguir adiante”, destacou o coordenador nacional do PAD, Renato Saraiva Ferreira. O sistema empregado no Semiárido utiliza a técnica de osmose reversa, capaz de retirar os sais da água proveniente dos lençóis freáticos, tonando-a própria para o consumo humano.

Na Paraíba, o coordenador estadual Isnaldo Cândido da Costa informou que, das 148 comunidades diagnosticadas, 47 já foram selecionadas. “Quando o sistema de dessalinização entrar em operação, deveremos beneficiar mais de 100 pessoas (20 famílias)”, disse. “A expectativa é que esteja pronto ainda este ano, em setembro ou outubro”.

ABRANGÊNCIA

O secretário de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano (SRHU), Ney Maranhão, afirmou que a iniciativa do governo federal é mais abrangente do que se possa imaginar: “O Programa Água Doce criou uma rede que não servirá somente à concepção do programa, mas a outras iniciativas futuras, uma vez que se criou uma cadeia de confiabilidade, de decisões e de participação”. O documento foi elaborado com o apoio da Embrapa Meio Ambiente, a Embrapa Semiárido e a Companhia de Pesquisas de Recursos Minerais (CPRM).

Formulado em 2003, o PAD tem por meta beneficiar 2,5 milhões de moradores do Semiárido brasileiro até 2019. Até o momento, cerca de 100 mil pessoas de 152 comunidades já tiveram acesso garantido à água potável. O programa também assumiu o compromisso de aplicar a metodologia na recuperação, implantação e gestão de 1,2 mil sistemas de dessalinização, com investimentos de R$ 168 milhões, beneficiando 480 mil pessoas até 2014.

Ascom - MMA
Fonte Ascom - MMA 10/05/2013 ás 11h

Compartilhe

Água doce em nova etapa