Aerohive Networks divulga resultados financeiros do segundo trimestre de 2014

Fonte EPR Comunicação Corporativa 12/08/2014 às 11h
Faturamento recorde de U$ 37.6 milhões corresponde a um aumento de 33% em relação ao mesmo período de 2013. América Latina está alinhada ao crescimento global da companhia


A Aerohive Networks, líder em soluções de rede Wi-Fi móvel sem controladora e com gerenciamento na nuvem para o mercado corporativo, acaba de anunciar seus resultados financeiros referentes ao segundo trimestre de 2014, encerrado em 30 de junho último.


Resumo Financeiro

A receita total para o segundo trimestre de 2014 foi de US$ 37,6 milhões, um aumento de 34% em comparação com os US$ 28 milhões do segundo trimestre de 2013. As licenças de software e a receita de serviços foram de US$ 3,8 milhões, correspondendo a 10% da receita total do trimestre, em comparação com US$ 2.1 milhão, ou 8% da receita total do segundo trimestre de 2013. De acordo com o Diretor da Aerohive para América Latina, Fernando Lobo, a América Latina está totalmente alinhada ao crescimento global da Aerohive.



“O segundo trimestre de 2014 - nosso primeiro trimestre completo como uma empresa pública - foi muito forte para a Aerohive, impulsionado pela contínua aquisição de novos clientes e crescimento de 33% da receita em relação ao primeiro trimestre,” afirma David Flynn, Presidente e CEO da Aerohive Networks. “A forte presença do setor de educação no trimestre, a diversificação proveniente dos setores de Varejo e Empresas, além do rápido crescimento do nosso negócio voltado para o novo padrão Wi-Fi 802.11ac, contribuíram para esta maior receita de trimestre obtida até esta data”, acrescenta.



Para o segundo trimestre de 2014, o prejuízo líquido GAAP foi de US$ 6.3 milhões, comparado com os US$ 7 milhões do segundo trimestre de 2013. A margem bruta GAAP foi de 67,5%, em comparação com 67,6% no mesmo período do ano anterior. A perda líquida não-GAAP para o segundo trimestre de 2014 foi de US$ 4,3 milhões, comparado com US$ 5,6 milhões no segundo trimestre de 2013. A margem bruta não-GAAP foi de 67,8%, em comparação com 67,8% no mesmo período do ano anterior.



A Aerohive começou a ser negociada como empresa pública na Bolsa de Nova York em 28 de março de 2014, com a transação formalmente concluída no segundo trimestre, em 02 de abril de 2014. Conjuntamente com a oferta pública inicial, a Aerohive emitiu 8.625.000 ações ordinárias, inclusive concedendo aos underwriters a opção de compra adicional, a um preço de US$10 por ação. O produto bruto da companhia foi de US$86,250 milhões e a receita líquida para a Aerohive, com o encerramento da operação em abril, foi de US$76,8 milhões, depois da dedução de taxas e despesas relacionadas à oferta.





Sobre a Aerohive Networks



A Aerohive Networks reduz o custo e a complexidade das redes de hoje, com soluções de roteamento baseadas na nuvem e WiFi distribuído, para companhias de médio porte, filiais e teletrabalhadores. As soluções premiadas de arquitetura wi-fi cooperativa, de gerenciamento via redes públicas ou privadas, de roteamento e VPN, da Aerohive, eliminam o custo com controladoras e pontos únicos de falha. O que possibilita aos clientes confiabilidade missão crítica com segurança granular e a habilidade de começar pequeno e expandir sem limitações. A Aerohive foi fundada em 2006 e está localizada em Sunnyvale, Cal, EUA. Entre os grupos investidores incluem-se Kleiner Perkins Caufield & Byers, Lightspeed Venture Partners, Northern Light Venture Capital e New Enterprise Associates, Inc. (NEA). Para maiores informações visite www.aerohive.com, siga-nos no Twitter @Aerohive, ou curta nossa página no Facebook.



"Aerohive" é uma marca registada e HiveManager e HiveOS são marcas comerciais da Aerohive Networks, Inc. Todos os nomes de produtos e empresas aqui utilizados são marcas comerciais ou marcas registradas de seus respectivos proprietários. Todos os direitos reservados.





EPR Comunicação Corporativa
Fonte EPR Comunicação Corporativa 12/08/2014 ás 11h

Compartilhe

Aerohive Networks divulga resultados financeiros do segundo trimestre de 2014