06 de maio - Dia Nacional da Matemática

Fonte Lucky Assessoria 06/05/2013 às 14h

Psicopedagoga dá dicas para crianças e jovens gostarem da matéria

Odiada e temida por muitos, a Matemática traz muitos benefícios para a nossa rotina e habilidade pessoal, como concentração e senso de raciocínio lógico. Sua função, que sempre foi reconhecida ao longo da história do homem, originou aqui no Brasil um dia dedicado à sua importância. Em homenagem ao famoso professor de Matemática Malba Tahan, autor de um dos maiores sucessos literários do País, “O Homem que calculava”, no dia 06 de maio, data de seu nascimento,comemora-se o Dia Nacional da Matemática.

Aprender e aplicar a Matemática no dia a dia é muito importante, pois seu domínio desenvolve nas pessoas o estímulo da descoberta, ajuda na concentração, vontade de vencer desafios, valorização do esforço, além do domínio do raciocínio lógico. Segundo Thalita Tomé, psicopedagoga e máster da rede Ensina Mais, é importante que a criança tenha contato com os números desde pequena para não apresentar dificuldades futuras.“A criança que se desenvolve bem em Matemática geralmente se torna mais organizada e não apresenta dificuldades em outras disciplinas escolares, o que evitará muita dor de cabeça nos anos que seguirão”.

Ainda de acordo com Thalita, a sensação de aversão à matéria ocorre quando a pessoa apresenta uma falha de aprendizagem na base e, a partir disso, não consegue dominar o resto do conteúdo. “Temos a tendência de não gostar daquilo que não dominamos ou não nos sentimos seguro. Desta forma, se consegue identificar a dificuldade e trabalhá-la melhor, você passará a gostar dos números”.

É o caso de Paulo Henrique Dias, 8 anos, de São José do Rio Preto. O aluno ingressou na Ensina Mais porque seus pais queriam ajudá-lo a melhorar nas notas e entender os exercícios, que sempre pareciam muito difíceis e confusos. Paulo não conseguia fazer divisões simples, mas após conversar com sua orientadora e trabalhar todos os pontos da matéria, ela identificou que o menino não conseguia entender a operação porque não havia dominado a tabuada no tempo previsto. Hoje, junto com o acompanhamento de base da matéria, ele conquistou ótimos resultados na escola e ajuda na loja do pai a fazer o recebimento e pagamento de contas.

Já Pedro Portela, 10 anos, do Rio Grande do Sul, apresentava grande dificuldade de raciocínio e não sabia diferenciar com clareza as operações de adição, subtração, multiplicação e divisão. Com o apoio de sua orientadora retomou conteúdos como numerais, sucessor e antecessor, conjuntos, igualdade e desigualdade. O auxílio das aulas digitais e interativas despertou nele o interesse pelo conteúdo. “Minha professora da escola só me elogia e ficou muito feliz depois que consegui tirar notas maiores em todas as matérias”, afirma o pequeno.

Para finalizar, Thalita afirma que é muito importante que os pais insiram a Matemática o quanto antes na rotina da criança, pois isso evitará dificuldades no processo de aprendizagem ao longo de sua vida. “Contar os objetos ao nosso redor, perguntar as horas e pedir ajuda da criança na hora de pequenas compras são pequenas ações que incorporam os números de forma natural e agradável. A Matemática não é uma vilã em nossa vida e pode se tornar muito mais atraente do que imaginamos”.

Quer saber mais? Acesse o site www.ensinamais.com.br

Lucky Assessoria
Fonte Lucky Assessoria 06/05/2013 ás 14h

Compartilhe

06 de maio - Dia Nacional da Matemática